Portal IFRN

Educação, Ciência, Cultura e Tecnologia em todo o Rio Grande do Norte

Curso: Técnico Subsequente

Agropecuária

O Curso Técnico Subsequente em Agropecuária, presencial, tem como objetivo geral formar profissionais técnicos de nível médio dotados de conhecimentos que os habilitem a desenvolver com competências técnica e atitudinal, nas atividades relacionadas às cadeias produtivas agrícolas, pecuárias e agroindustriais, no âmbito regional e nacional. O profissional concluinte do Curso Técnico Subsequente em Agropecuária oferecido pelo IFRN deve apresentar um perfil que o habilite a desempenhar atividades voltadas para o meio agrícola. Esse profissional deverá demonstrar as capacidades de: conhecer e utilizar as formas contemporâneas de linguagem, com vistas ao exercício da cidadania e à preparação para o trabalho, incluindo a formação ética e o desenvolvimento da autonomia intelectual e do pensamento crítico.

Mundo do Trabalho

Aprendizagem

A aprendizagem é estabelecida pela Lei nº.10.097/2000, regulamentada pelo Decreto nº. 9.579/2018, determinando que todas as empresas de pequeno, médio e grande porte estão obrigadas a contratar percentual de aprendizes, na faixa etária dos 14 aos 24 anos.

Informações sobre o curso: Tec. Agropecuária

Estágio

Estágio é ato educativo escolar supervisionado, desenvolvido no ambiente de trabalho, que visa à preparação para o trabalho produtivo de educandos que estejam frequentando o ensino regular, conforme a Lei 11.788/08.

Período mínimo: 3° período

Perfil do Egresso

O profissional formado neste curso deverá demonstrar habilidades em:

Administrar propriedades rurais; Elaborar, aplicar e monitorar programas preventivos de sanitização na produção animal, vegetal e agroindustrial; Fiscalizar produtos de origem vegetal, animal e agroindustrial; Realizar medições, demarcações e levantamentos topográficos rurais; Atuar em programas de assistência técnica, extensão rural e pesquisa; Analisar a situação técnica, econômica, social e ambiental da região, identificando as atividades pertinentes e peculiares a serem implementadas; Permitir o acesso e a compreensão das práticas tecnológicas para pequenos, médios e grandes agricultores, objetivando a melhoria da produção e da qualidade dos produtos; Implantar e manejar pastagens envolvendo o preparo, adubação e conservação do solo e da água; Elaborar, aplicar e monitorar programas de manejo preventivo e sanitário na produção vegetal, objetivando a melhoria da produtividade e da rentabilidade; Planejar, executar, acompanhar e fiscalizar as fases de projetos e atividades produtivas do setor agropecuário.