Você está aqui: Página Inicial / Campi / Pau dos Ferros / Notícias / Estudantes participam de "Rodas de Conversa" com médico psiquiatra e psicóloga
SAÚDE MENTAL

Estudantes participam de "Rodas de Conversa" com médico psiquiatra e psicóloga

28/07/2017 - Encontros aconteceram na última quarta-feira, 26, com alunos do ensino técnico e superior

Estudantes participam de "Rodas de Conversa" com médico psiquiatra e psicóloga

Médico psiquiatra, Gaudêncio Lopes; e psicóloga Shirllane Nunes, conduziram a Roda de Conversa com os alunos

O IFRN reconhece que a saúde mental deve ser olhada com cuidado e que o suporte psicológico é de suma importância no ambiente escolar, buscando fazer com que os alunos se sintam mais à vontade para procurar ajuda. Pensando nisso, o Campus Pau dos Ferros promoveu na última quarta-feira (26), Rodas de Conversa  "Sofrimento Psíquico na Atualidade" a estudantes dos cursos técnicos e superiores.


As Rodas aconteceram nos turnos matutino e vespertino e foram intermediadas pelo médico psicanalista, Gaudêncio Lopes; e pela psicóloga do Campus, Shirllane Nunes. Antes dos encontros, a Coordenação de Atividades Estudantis do Campus, a COAES, realizou um levantamento requerido pelo serviço de psicologia da Escola aos representantes de sala e o tema mais almejado foi ansiedade.


Dispostos em uma roda, sobre tatames e pés descalços, os alunos tiveram a oportunidade de compartilhar experiências associadas à mentalidade, de dialogar abertamente sobre o tema, aproximar a realidade vivenciada por diferentes pessoas, além de esclarecimento de dúvidas. Uma caixa de perguntas ficou à disposição para os que quisessem enviar comentários, mas que não quisessem falar.


Segundo Shirllane, a ação objetivou conhecer a realidade vivenciada por alguns discentes do Campus, explanar sobre o tema e trazer formas de manejar a ansiedade. "A roda foi uma metodologia que visou estimular a autonomia e reflexão dos participantes, aproximar os sujeitos que compartilham experiências parecidas em seus cotidianos e ser um  exercício de pensar 'em conjunto', possibilitando significar as situações expostas", detalha a Psicóloga.


Para Janália Inês Barros Fernandes, aluna do segundo período do curso de Licenciatura Plena em Química, a Roda de Conversa foi proveitosa. "Achei muito importante. Nós percebemos que não estamos sozinhos enfrentando a ansiedade. O encontro deu para dar uma clareada, uma esclarecida. Tanto a psicóloga quanto o médico nos deram suporte e foram abertos para quem quiser procurá-los para saber mais e buscar orientação", comenta a graduanda.


Para Wesley Breno de Freitas Silva, que cursa o 3º ano do curso técnico integrado em Apicultura, também participou da roda e já aproveita orientações para a sua rotina. "Eu gostei muito, pois a ansiedade é uma coisa que a gente tem diariamente e às vezes ela acaba nos prejudicando. Eu me considero uma pessoa ansiosa, quando eu tenho uma prova e, mesmo estudando antes, quando chego lá, a ansiedade me prejudica com a preocupação. Eu sou uma pessoa muito preocupada com o que vai vir no futuro e às vezes acabo não dando atenção ao presente. A Roda valeu a pena porque lá eles nos esclareceram que a ansiedade pode ser trabalhada, que a gente pode buscar maneiras de equilibrar isso, e é o que já estou buscando", relata Breno.


A CAMPANHA

O "Sofrimento Psíquico na Atualidade" traz o slogan "Quando o corpo pede um pouco mais de alma" é uma campanha promovida pela Diretoria de Gestão de Atividades Estudantis do IFRN (DIGAE), em parceria com GT de Psicologia e GT de Saúde, vinculados à Coordenação de Atenção à Saúde do Servidor (COASS). Toda a comunidade do IFRN acadêmica pode contar com os serviços de saúde e psicologia, dentre outros, ofertados pela Instituição.



::: CONTEÚDO RELACIONADO:

21/07/2017: Coordenação de Atividades Estudantis do Campus promove Rodas de Conversa "Sofrimento Psíquico na Atualidade".

Ações do documento

Página em carregamento