Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Vídeo produzido pelo projeto Matemática e Arte é finalista em festival nacional
Campus Canguaretama

Vídeo produzido pelo projeto Matemática e Arte é finalista em festival nacional

17/08/2020 - Cerimônia de premiação on-line acontece nos dias 27 e 28 de agosto

Vídeo produzido pelo projeto Matemática e Arte é finalista em festival nacional

O vídeo Matemática e Arte: utilizando Geogebra e o conceito de funções, produzido pelos integrantes do Grupos de Pesquisa Matemática e Arte, do Campus Canguaretama, é um dos finalistas do IV Festival de Vídeos Digitais e Educação Matemática. O Festival é promovido pelo Grupo e Pesquisa em Informática, Outras Mídias e Educação Matemática (GPIMEM), da UNESP Rio Claro, de São Paulo. A cerimônia on-line de premiação ocorre nos dias 27 e 28 de agosto, com a participação de todos os vídeos finalistas.

O projeto de Pesquisa, aprovado pelo Edital 5/2019 da Pró-Reitoria de Pesquisa e Inovação do IFRN (Propi), é formado pelos professores José Vilani, Nilton Xavier e Gizele Justino e pelos estudantes Anderson Silva, Camila Ferreira, Izadora Teixeira e Janaina Lúcia. O professor Vilani explica que as motivações para o desenvolvimento do projeto surgiram da sua pesquisa de doutoramento, que discutia conceitos da Etnomatemática com a Sociologia. “Minha ideia é mostrar que, se temos diversas formas de expressão artística, podemos ter diversas formas de expressar a matemática. O software e os conceitos matemáticos utilizados funcionam como a agulha e a linha da bordadeira. Somos bordadeiras matemático-digitais”, comenta.

A escolha pela obra de Tarsila do Amaral, que compõe o vídeo produzido, teve o objetivo de destacar a presença feminina no mundo das ciências exatas e de valorizar as práticas artísticas locais. “Como fez Tarsila no movimento antropofágico em relação à arte”, explica o professor.

ACESSE

Matemática e Arte: utilizando geogebra e o conceito de funções

Ações do documento

Página em carregamento