Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Programa de Capacitação do MEC recebe inscrições de projetos
Novos Caminhos

Programa de Capacitação do MEC recebe inscrições de projetos

05/06/2020 - Capacitações são extracurriculares e servirão como imersão em atividades de pesquisa aplicada

Programa de Capacitação do MEC recebe inscrições de projetos

Inscrições vão de 8 de junho à 28 de agosto

O Ministério da Educação lançou edital para seleção de propostas para implementar um programa de capacitação de estudantes denominado “Oficinas 4.0”. Realizado em parceria com o Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes) e sua Fundação de Apoio ao Desenvolvimento da Ciência e Tecnologia (Facto), o investimento, de R$ 4,6 milhões, vem do Programa Novos Caminhos e busca 'atender demanda por novas habilidades e competências sob a ótica do uso intensivo de tecnologias digitais'.  

Voltado a instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, o projeto encabeçado pelo Ifes selecionará 15 instituições de ensino da Rede. O prazo para inscrições começa no dia 8 de junho e vai até o dia 28 de agosto de 2020. O resultado final da seleção está previsto para o dia 28 de setembro. As instituições da Rede Federal interessadas em participar devem encaminhar a proposta por meio de sistema eletrônico. Pelo cronograma, as oficinas começarão em novembro de 2020, com duração de dez meses.

Capacitações

Segundo o edital, as capacitações são extracurriculares e servirão como imersão em atividades de pesquisa aplicada, para superar desafios tecnológicos reais, enfrentados no dia-a-dia do setor produtivo. Para desenvolver as soluções tecnológicas inovadoras, os estudantes serão capacitados em pensamento computacional, empreendedorismo, inovação, gestão de projetos e projetos de inovação tecnológica, além de outros temas optativos. Um elemento importante dos projetos a serem selecionados é a aproximação da academia com o setor produtivo. Para isso, as instituições proponentes devem firmar parceria com alguma organização do setor produtivo, que pode ser privada, pública ou da sociedade civil. São esses parceiros que vão apresentar demandas que serão objeto do projeto de inovação a serem conduzidos pelos estudantes, para a elaboração de soluções tecnológicas inovadoras.

Para poderem desenvolver as oficinas, os professores das instituições selecionadas serão capacitados em metodologias específicas, a exemplo da que vem sendo desenvolvida há três anos pelo Ifes para as Oficinas 4.0. Um dos envolvidos do Instituto Federal do Espírito Santo, o professor Rodrigo Varejão descreve a capacitação como “oportunidade de os estudantes aplicarem novas tecnologias que nem sempre estão no escopo de seus cursos, mas que já vem sendo usadas pelo setor produtivo. Assim, o ensino, a pesquisa e a extensão ocorrem de forma articulada e aplicada a uma demanda real de um parceiro. Isso provoca diversos desafios aos alunos, que podem então desenvolver e acelerar seu talento”, disse.

Acesse

Edital

Inscrições

Ações do documento

Página em carregamento