Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Pró-Reitorias discutem parcerias com instituição francesa
Internacionalização

Pró-Reitorias discutem parcerias com instituição francesa

03/02/2022 - Proex e Propi se reuniram com pesquisadora do Conservatório Nacional de Artes Ofícios (CNAM). Representantes da UFRN participaram do encontro

Pró-Reitorias discutem parcerias com instituição francesa

"Compartilhamos com o IFRN uma herança ligada à formação de trabalhadores", disse pesquisadora

Na tarde do dia 2 de fevereiro de 2022, o IFRN recebeu a visita da professora Katia Kostulski, diretora do Centro de Pesquisa sobre Trabalho e Desenvolvimento (CRTD), localizado no Conservatório Nacional de Artes Ofícios (CNAM), instituição situada em Paris (França). Pelo IFRN, estiveram presentes Avelino Lima Neto, pró-reitor de Pesquisa e Inovação, e Samuel Lima, assessor de Relações Internacionais, setor da Pró-Reitoria de Extensão. Também participaram da reunião o professor Jorge Falcão, do Departamento de Psicologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), e Juliana Andrade, sua orientanda de doutorado no Programa de Pós-Graduação em Psicologia da mesma universidade. O professor Jorge e Juliana fizeram a mediação para a visita da pesquisadora francesa ao IFRN.

Na ocasião, os professores Avelino e Samuel apresentaram as ofertas de ensino e pesquisa do Insttituto. A professora Katia fez o mesmo posteriormente. Foram enfatizadas as possibilidades de parceria entre as instituições, notadamente nas áreas de Educação e Engenharias em geral, com especial atenção à Informática e às Energias Renováveis. “O CNAM compartilha com o IFRN uma herança ligada à formação de trabalhadores, especialmente dos engenheiros”, afirmou Katia Kostulski.

Encaminhamentos

A pesquisadora francesa informou os contatos dos responsáveis pelo Ensino Superior e pela Pesquisa no CNAM, a fim de que os contatos formais com vistas à celebração de um protocolo de intenções possam se iniciar. “Ao considerar nosso planejamento relativo à mobilidade estudantil, é de nosso interesse ampliar os contatos com outras instituições similares ao IFRN no mundo”, ressaltou Samuel Lima. Sobre o assunto, complementou o professor Avelino: “Como de costume, após um próximo encontro com os responsáveis pelo Ensino e Pesquisa no CNAM, convidaremos a comunidade a conhecer mais de perto esta possível nova parceria do IFRN”.

Ações do documento

Página em carregamento