Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas realiza segunda edição do "Julho das Pretas"
DIA DA MULHER NEGRA

Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas realiza segunda edição do "Julho das Pretas"

21/07/2021 - Com o tema "Tempos de lutas, resistências e resiliências das mulheres pretas", evento terá mesa-redonda e conferência no dia 26 deste mês

Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas realiza segunda edição do "Julho das Pretas"

O Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas (Neabi), do Campus de Pau dos Ferros do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN), promoverá, nos dias 25 e 26 deste mês, o II Julho das Pretas. Com o tema "Tempos de lutas, resistências e resiliências das mulheres pretas", o evento propõe reflexões sobre a resistência, a emancipação, a visibilidade das demandas e, também, as conquistas dessas mulheres no seu processo histórico e social.

Uma data, uma história

Os dados alarmantes sobre a violência contra a mulher, com destaque à mulher negra, levaram um grupo de mulheres, em 1992, na cidade de Santo Domingo, capital da República Dominicana, a organizar o primeiro Encontro de Mulheres Afro-latinoamericanas e Afro-caribenhas, e a lutar pelo reconhecimento do dia 25 de julho como o Dia Internacional da Mulher Negra Latino-Americana e Caribenha. A data tornou-se uma referência para a luta e a resistência da mulher negra, indígena e de comunidades tradicionais.

No ano de 2014, foi instituída no Brasil, pela lei nº 12.987, a data 25 de julho como Dia Nacional de Tereza de Benguela e da Mulher Negra, homenageando uma das principais mulheres símbolo de resistência e importante liderança na luta contra a escravização e o racismo.

Programação

Em homenagem à data, será realizada, no dia 25 de julho, na página do Nebai – Pau dos Ferros no Instagram, a publicação de conteúdos sobre a temática. Já no dia 26, serão realizadas duas atividades, conforme o cronograma:

Mesa-redonda, a partir das 8h:

Tema “A solidão da mulher negra: um olhar a partir da literatura e das vivências”
Palestrantes Julieta Dias e Monique Oliveira
Mediadora Ielandia Jacinto

Conferência, a partir das 19h:

Tema “Movendo estruturas com protagonismo das mulheres pretas: interseccionalidade e mudanças sociais”
Palestrante Aline Juliete de Abreu
Mediadora Amanda Oliveira

Inscrições

Interessados pode se inscrever, até o dia 26 de julho, no site do evento, que será realizado totalmente de forma virtual, através da plataforma Stream Yard, e transmitido pelo canal do YouTube do Campus.

Acesse:

Site do evento

Mesa-redonda no canal do YouTube do Campus

Conferência no canal do YouTube do Campus

Ações do documento

Página em carregamento