Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / IFRN recebe visita de pesquisador da Universidade da Coruña, da Espanha
Acordo internacional

IFRN recebe visita de pesquisador da Universidade da Coruña, da Espanha

20/06/2022 - Esta foi a primeira mobilidade presencial fruto do acordo entre ambas instituições

IFRN recebe visita de pesquisador da Universidade da Coruña, da Espanha

Acordo de cooperação entre IFRN e UDC foi assinado em abril de 2022.

No dia 13 de junho de 2022, o Instituto Federal do Rio grande do Norte (IFRN) recebeu a visita do professor Jakson Renner Rodrigues Soares, da Universidade da Coruña (UDC), da Espanha, para a realização de um intercâmbio docente e científico. A ação faz parte das atividades do Protocolo de Intenções, assinado entre as duas instituições em 18 de abril deste ano.

“É uma grande alegria poder receber um pesquisador da Universidade da Coruña no IFRN com um plano de trabalho que prevê atividades envolvendo nossos servidores e estudantes, promovendo a internacionalização da nossa instituição”, avaliou Antônia Silva, reitora do IFRN em exercício, que esteve presente nas boas-vindas do docente espanhol.

Na ocasião, além da reitora, marcaram presença o pró-reitor de Pesquisa e Inovação, professor Avelino Neto; o assessor de Extensão e Relações Internacionais, professor Samuel Lima; o assessor de Mobilidade Internacional, professor Bruno Lima; a assessora de Parcerias Internacionais, professora Girlene Silva; e a assessora de Relações Internacionais do Campus Natal – Central, professora Carla Falcão.

Parceria entre Brasil e Espanha

A parceria entre o IFRN e a UDC se intensificou em 2021, através da mobilidade internacional virtual. Esta é a primeira vez que ocorre a mobilidade presencial de um pesquisador que atua em colaboração internacional em rede no âmbito do acordo. O professor Jakson Renner comenta que, embora já houvesse um histórico de colaboração com o IFRN, a formalização da parceria foi fundamental para que ele recebesse o custeio parcial da sua mobilidade no Brasil da sua instituição de origem.

A visita do professor da Universidade da Coruña também foi comemorada pelo professor Avelino Neto. Segundo ele, “as instituições nacionais e estrangeiras que fomentam a atividade científica têm valorizado bastante a produção acadêmica em rede de colaboração internacional. É uma grande satisfação perceber que essa prática tem se ampliado no IFRN”.

Entre as principais ações da mobilidade internacional de curta duração prevista no plano de trabalho do professor Jakson Renner no IFRN, está sua participação em reuniões e palestras no Curso Superior de Turismo, do Campus Canguaretama. Além disso, o docente ministrará disciplinas, palestras e minicursos nos cursos de Comércio Exterior e Letras Espanhol e no Programa de Pós-graduação em Educação Profissional (PPGEP), no Campus Natal – Central.

Internacionalização da Extensão

Atualmente, o professor espanhol Jakson Renner é membro do projeto de Extensão “A aprendizagem colaborativa de Português e espanhol a partir da metodologia COIL: práticas de internacionalização e inovação docente”, desenvolvido no Campus Natal – Central sob a coordenação da professora Girlene Silva.

O projeto, que possui atividades de internacionalização, conta com a participação de cinco instituições de quatro países diferentes: o IFRN, do Brasil; a Universidad de Almería (UAL) e a Universidade da Coruña (UDC), da Espanha; a Universidad Estatal Península de Santa Elena (UPSE), do Equador; e a Universidad Nacional Autónoma de México (Unam).

Fortalecendo as relações internacionais

O Instituto Federal do Rio Grande do Norte possui parceria com sete instituições estrangeiras, cuja língua oficial é o espanhol, conheça-as:

As Relações Internacionais do IFRN, por meio da Assessoria de Extensão e Relações Internacionais (Aseri), têm trabalhado na elaboração de edital do programa de mobilidade internacional de estudantes do Instituto. A ação prevê o custeio para a realização de intercâmbio a fim de cursar componentes curriculares em uma instituição estrangeira parceira por um semestre acadêmico. A previsão é de que o edital seja lançado ainda neste ano de 2022, como o objetivo de que os estudantes possam realizar a mobilidade internacional em 2023.

Ações do documento

Página em carregamento