Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / IFRN e universidades estrangeiras planejam parceria
Pesquisa

IFRN e universidades estrangeiras planejam parceria

10/03/2021 - Expansão na área de Pesquisa foi assunto da reunião, realizada na última sexta (5)

IFRN e universidades estrangeiras planejam parceria

Objetivo das reuniões foi fortalecer e expandir as atividades de Pesquisa do acordo de cooperação internacional entre as instituições

Na última sexta-feira, 5 de março, Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu (PPG) do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) realizaram reuniões com a Universidade do Minho (UMinho), de Portugal, e com a Universidade de Montpellier (UM), da França, visando estabelecer estratégias de internacionalização. As coordenações e/ou vice-coordenações dos PPG, acompanhadas da equipe da Pró-Reitoria de Pesquisa e Inovação (Propi) e da Assessoria de Extensão e Relações Internacionais (Aseri) mediaram os encontros e propuseram encaminhamentos.

Planejamento de agenda com o Instituto de Educação da UMinho

Na ocasião, participaram, pelo IFRN, o pró-reitor de Pesquisa e Inovação, Avelino de Lima Neto; o assessor de Extensão e de Relações Internacionais, Samuel Lima; a coordenadora da Pós-graduação Stricto Sensu (COPPG/Propi), Francinaide Nascimento; a coordenadora da Editora (Coedi/Propi), Gabriela Raulino; a coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional (PPGEP), Ana Lúcia Henrique; o vice-coordenador do Programa de Pós-graduação em Educação Profissional e Tecnológica (ProfEPT), Fábio Alexandre); o  coordenador e o vice-coordenador do Programa de Pós-Graduação em Ensino (Posensino/UERN-IFRN-Ufersa), Marcelo Coelho e Albino Nunes, respectivamente. Pela UMinho, estiveram presentes o responsável português pelo acordo, professor Bento Silva, e a vice-presidente da internacionalização, Natália Fernandes.

“O convênio com a Universidade do Minho foi recentemente renovado, mas é preciso renovar, igualmente, os termos aditivos que compõem o acordo”, afirmou o assessor de Extensão e de Relações Internacionais do IFRN, Samuel Lima. Nessa direção, o IFRN e o Instituto de Educação (IE) da UMinho organizaram uma agenda de atividades para o ano de 2021.

Após uma rápida apresentação dos Programas, foi proposta a realização de Jornadas Luso-Brasileiras de Pesquisa em Educação, feitas de forma bimestral. Com a iniciativa, docentes portugueses e brasileiros poderão apresentar suas pesquisas em mesas-redondas. Em um segundo momento da programação da Jornada, mestrandos e doutorandos de ambas as instituições - incluindo servidores do IFRN em processo de capacitação na UMinho - poderão apresentar seus trabalhos em andamento. Os resultados das apresentações poderão ser reunidos em dossiês e/ou em obras a serem organizadas pelos pesquisadores dos dois países, podendo, ainda, serem coeditados pelas Editoras do IFRN e da UMinho.

Em outra frente de trabalho, foi incentivado o estabelecimento de cotutelas e/ou estágios sanduíche entre os PPG e a UMinho, bem como o intercâmbio docente para estágios pós-doutorais e/ou períodos de professor visitante. Por fim, iniciou-se a discursão sobre a especialidade Estudos da Criança, ofertada pelo Instituto de Educação (IE) da UMinho, a fim de estabelecer parcerias com Licenciaturas do IFRN e as ofertas de cursos do Campus Natal - Cidade Alta do Instituto, pensando na proposição de uma oferta de Mestrado em Lazer, no Campus, presente no PDI 2019-2026.

Expansão de pesquisas com a Universidade de Montpellier

Ainda na manhã do dia 5, representantes dos Programas de Pós-Graduação em Uso Sustentável de Recursos Naturais (PPgUSRN), em Educação Profissional e Tecnológica (ProfEPT/IFRN) e em Ensino (Posensino/UERN-IFRN-UFERSA) apresentaram algumas pesquisas em andamento aos pesquisadores do Laboratório Interdisciplinar de Pesquisas em Didática, Educação e Formação (Lirdef), da UM.

Pelo IFRN, estiveram presentes o pró-reitor de Pesquisa e Inovação, Avelino de Lima Neto; o coordenador do PPgUSRN, Jean Tavares; os professores André Toledo (PPgUSRN) e Sandra Alves (ProfEPT); e o assessor de Extensão e de Relações Internacionais, Samuel Lima (Posensino e Aseri). Pela Universidade francesa, doutorandos e investigadores se fizeram presentes, mediados pela diretora do Lirdef, Muriel Guedji, com a qual representantes do IFRN já haviam realizado uma reunião, em fevereiro deste ano.

Após a apresentação de algumas pesquisas desenvolvidas nos PPG, Muriel propôs o tempo de uma semana para que os demais membros do Lirdef decidam sobre as possibilidades de parceria. Nesta semana, o Laboratório Interdisciplinar da Universidade de Montpellier enviará um e-mail à Propi com manifestação de interesse de seus professores-pesquisadores nas pesquisas em curso no IFRN e/ou outras iniciativas, visando fortalecer as atividades resultantes do acordo de cooperação internacional, para além daquelas já estabelecidas pelo Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional (PPGEP) do IFRN.

Ações do documento

Página em carregamento