Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / IFRN e Universidad Nacional Autónoma de México discutem parceria
Internacionalização

IFRN e Universidad Nacional Autónoma de México discutem parceria

23/02/2022 - Interlocução faz parte da política de internacionalização por meio do fortalecimento das relações com a América Latina e da difusão da aprendizagem da língua portuguesa

IFRN e Universidad Nacional Autónoma de México discutem parceria

Reunião possibilitou novos encaminhamentos para a implementação de futuras atividades de relações internacionais

Na manhã da terça-feira, dia 22 de fevereiro, representantes do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) e da Universidad Nacional Autónoma de México (Unam) reuniram-se para discutir possíveis parcerias. A reunião foi realizada a partir do interesse mútuo das instituições em difundir a aprendizagem de línguas, especificamente a língua portuguesa. Segundo Bruno Rafael, “a expectativa é integrar a Unam à lista de instituições parceiras que podem receber o curso Português Brasileiro para Estrangeiros, ofertado pelo IFRN”. Bruno é assessor de Políticas Linguísticas da Assessoria de Extensão e Relações Internacionais do IFRN (Aseri). Já para Rocío Ugalde, professora de literaturas francófonas e tradução literária francês-espanhol e mestrado em literatura comparada na Unam, é importante que sejam planejadas, também, atividades que envolvam a mobilidade internacional de estudantes.

Na reunião ainda estiveram presentes, pelo IFRN: Samuel Lima, gestor da Aseri, e professora Girlene Moreira da Silva, assessora de Parcerias Internacionais no mesmo setor; pela instituição mexicana, Alma Delia Miranda, chefe da licenciatura de Letras Portuguesas e coordenadora da Cátedra Extraordinária José Saramago, e a professora Rocío Ugalde, 

Encaminhamentos

Como encaminhamentos, sugeriu-se o início da redação da minuta do Protocolo de Intenções, a fim de iniciarem os procedimentos formais para a parceria internacional, bem como o apoio e o estímulo para que os servidores iniciem o planejamento para o desenvolvimento de atividades conjuntas. “Agendaremos uma reunião com a coordenação dos cursos de Letras ofertados pelo IFRN para discutir a possibilidade de elaboração de um plano de trabalho”, afirma Girlene. De acordo com a avaliação de Samuel, a gestão do IFRN tem investido no fortalecimento de suas relações internacionais, com ações alinhadas às diretrizes Fórum dos Assessores de Relações Internacionais (Forinter), do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif), e aos objetivos estratégicos do Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) 2019-2026.

Ações do documento

Página em carregamento