Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / IFRN e Serviço Geológico do Brasil discutem parceria para pesquisa mineral
Reunião

IFRN e Serviço Geológico do Brasil discutem parceria para pesquisa mineral

22/12/2021 - Projeto de Pesquisa será desenvolvido nas regiões de Parelhas e Currais Novos

IFRN e Serviço Geológico do Brasil discutem parceria para pesquisa mineral

O projeto visa mapear ocorrência e agregar valor mineral aos pegmatitos.

Na última segunda-feira, 21 de dezembro, a Pró-Reitoria de Pesquisa e Inovação do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (Propi/IFRN) realizou uma reunião com o Serviço Geológico do Brasil - CPRM. O encontro teve o objetivo de discutir parceria para um projeto de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D), que visa mapear ocorrência e agregar valor mineral aos pegmatitos das regiões de Parelhas e Currais Novos, através de pesquisa mineral.

A CPRM é uma empresa pública, vinculada ao Ministério de Minas e Energia, que tem as atribuições de Serviço Geológico do Brasil e tem como missão gerar e disseminar conhecimento geocientífico, contribuindo para melhoria da qualidade de vida e desenvolvimento sustentável do Brasil.

Estiveram presentes na reunião o professor João Teixeira de Carvalho Neto; o diretor de inovação tecnológica, Rafael Hernandez Damascena dos Passos, servidor no núcleo de inovação tecnológica; Ariadne de Souza Silva, bolsista de pós-doutorado do Centro de Tecnologia Mineral do IFRN; Francisco Valdir Silveira, pesquisador geólogo da CPRM; Maria da Guia Lima, chefe do Núcleo de Apoio de Natal da CPRM; e Samuel Wendell Marinho, técnico em Geociência na CPRM.

Encaminhamentos

Dentre as atividades a serem realizadas no projeto, destacam-se o mapeamento de ocorrências dos pegmatitos nessas duas regiões e a análise química das amostras: "Com isso, será possível ter conhecimento de quais materiais da tabela periódica temos disponíveis nessas ocorrências e agregar valor aos alvos dessas ocorrências", comentou o professor João Teixeira.

Segundo João, "os pegmatitos constituem de um tipo de rocha ígnea que refletem uma cristalização com fase fluida no magma retratada pela ocorrência frequente de minerais como turmalinas e micas, abundante na região de Currais Novos e Parelhas".

O projeto foi fruto de uma prospecção no II Fórum Estadual Mineral do RN, que ocorreu nos dias 18 e 19 de novembro, na Escola do Governo do RN. Na oportunidade, foram apresentadas as ações do Centro de Tecnologia Mineral (CT Mineral) do IFRN, e seu papel para o desenvolvimento científico e tecnológico para o setor mineral da região.

A parceria do IFRN com a CPRM incluirá a disponibilização de bolsas para alunos dos cursos de Geologia e Mineração desenvolverem suas pesquisas no CT mineral do IFRN.

Ações do documento

Página em carregamento