Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / IFRN é premiado na Feira Brasileira de Ciências e Engenharia
20ª edição

IFRN é premiado na Feira Brasileira de Ciências e Engenharia

31/03/2022 - Alunos e alunas de cinco campi receberam premiações na Febrace 2022

IFRN é premiado na Feira Brasileira de Ciências e Engenharia

Estudantes que participaram do evento são premiados com certificados, medalhas, troféus, tablets e credenciais para feiras científicas nacionais e internacionais.

O Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) recebeu diversas premiações na grande final na Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (Febrace) deste ano de 2022. Ao todo, seis projetos desenvolvidos por estudantes do Instituto foram premiados, em cinco campi.

De Ceará-Mirim: A utilização de um Cubesat para monitoramento e preservação do Parque Municipal Boca da Mata/RN e Modelagem computacional de um sistema para mapeamento térmico de pés diabéticos;

De Currais Novos, Desenvolvimento de canudos biodegradáveis a partir do SCOBY da Kombucha;

De Ipanguaçu, Produção de biofilme comestível para conservação pós-colheita da fruta banana;

De Natal - Zona Norte, SMARTLAB: Uso de imagens digitais adquiridas com câmeras de smartphone em análises químicas, com quatro premiações diferentes; e

De São Paulo do Potengi, Cidades acessíveis: plataforma de avaliação e soluções para calçadas.

Conheça os projetos premiados do IFRN

Do Campus Ceará-Mirim dois projetos foram premiados. O “A utilização de um Cubesat para monitoramento e preservação do Parque Municipal Boca da Mata/RN” ganhou credenciais para participação na XII Feira de Ciências do Semiárido Potiguar, que acontecerá de 24 a 28 de outubro de 2022, em Mossoró. E o “Modelagem computacional de um sistema para mapeamento térmico de pés diabéticos” foi reconhecido com duas premiações: Prêmio Anna Frida Hoffman e Prêmio FórumDCNTs e receberão Certificados, livros e o convite para publicarem os trabalhos no site do Fórum. O Prêmio Anna Frida Hoffman foi criado em homenagem à primeira mulher a se graduar na Escola Politécnica de São Paulo como engenheira química na turma de 1928. Já o Fórum é uma iniciativa que tem como proposta promover parcerias entre as principais instituições dos setores público, privado e terceiro setor para o combate doenças crônicas não-transmissíveis (DCNTs).

Desenvolvido no Campus Currais Novos, o projeto “Desenvolvimento de canudos biodegradáveis a partir do SCOBY da Kombucha” recebeu o Prêmio ECO21, que garantiu a cada participante certificado e ao grupo o convite para publicação de artigo do projeto no Portal da ECO21, publicação independente, pioneira na divulgação de documentos, ensaios, entrevistas e textos de informação ambiental.

As credenciais para a participação na Mostra de Ciência e Tecnologia do Instituto Açaí (MCTIA) foram a premiação recebida pelo projeto “Produção de biofilme comestível para conservação pós-colheita da fruta banana”, do Campus Ipanguaçu. O evento acontecerá em dezembro de 2022, em Belém, no Pará.

Com prêmios distintos, o “SMARTLAB: Uso de imagens digitais adquiridas com câmeras de smartphone em análises químicas” foi o recordista do IFRN nessa edição da Febrace.

Foram quatro as premiações do projeto do Campus Natal-Zona Norte:

  • 1º Lugar no Prêmio Manual do Mundo, de quem receberão troféus, medalhas e um kit de produtos licenciados do Manual do Mundo, canal de experiências de entretenimento e aprendizagem do Youtube, com 16 milhões de pessoas inscritas e mais de três bilhões de visualizações em seus conteúdos.
  • Prêmio Destaques Unidades da Federação, que garante certificado digital de Menção Honrosa emitido pela própria Febrace;
  • 2º Lugar na Categoria Ciências Exatas e da Terra, também da Febrace, tendo como prêmios medalhas e certificados digitais; e
  • O prêmio da National Youth Science Foundation, que lhes garantiu credenciais para o National Youth Science Camp, evento que acontecerá no formato online, de 26 de junho a 20 de julho de 2022. A National Youth Science Foundation é uma corporação norte-americana sem fins lucrativos voltada a “inspirar engajamento ao longo da vida acadêmica para ações de via ética em ciência, tecnologia, engenharia, matemática e profissões relacionadas que reúne estudantes a cientistas de alto nível para palestras e aventuras ao ar livre.

Cada integrante do projeto “Cidades acessíveis: plataforma de avaliação e soluções para calçadas”, do Campus São Paulo do Potengi, receberá, pelo Prêmio Revista InCiência, certificado e convite para publicarem seus artigos na Revista InCiência, do Colégio Dante Alighieri
Feira Brasileira de Ciências e Engenharia

A Febrace é um dos programas de talentos em ciências e engenharia mais importantes do país. O evento é realizado desde 2003 e é promovido pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP), buscando estimular o interesse de jovens da educação básica na criação de projetos criativos e inovadores.

Ações do documento

Página em carregamento