Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / IFRN garante recursos externos para projetos de ensino, pesquisa e extensão
Orçamento

IFRN garante recursos externos para projetos de ensino, pesquisa e extensão

07/01/2021 - Os projetos foram aprovados juntos a 3 ministérios e ao Incra e serão executados através da Funcern

IFRN garante recursos externos para projetos de ensino, pesquisa e extensão

Nos últimos dias de 2020, o IFRN garantiu mais de seis milhões de reais para a execução de projetos aprovados por órgãos externos. As propostas buscam soluções para questões como saúde pública, transformação digital e problemas sociais e serão executadas com a colaboração de estudantes bolsistas de três campi do Instituto: Ipanguaçu, Natal-Central e Parnamirim.

As propostas, seis no total, foram elaboradas por servidores e servidoras da Instituição e aprovadas junto ao Ministério da Educação, através da Setec e do Conif; da Economia; da Agricultura Pecuária e Abastecimento e ao Incra. De acordo com a pró-reitora de Planejamento e Desenvolvimento Institucional, Antônia Silva, cinco delas estavam paralisadas e precisaram da união de esforços da gestão nomeada em 21 de dezembro para que os recursos fossem assegurados e os projetos possam ser executados. 

De acordo com o diretor de Gestão de Tecnologia da Informação, André Gustavo, que também participou da força tarefa para viabilizar os projetos, a iniciativa atende a um dos objetivos do Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI 2019-2026) que é a busca por recursos externos para ampliar as ações de Ensino, Pesquisa e Extensão. "Os projetos serão desenvolvidos junto à Fundação de Apoio ao IFRN (Funcern) e têm como benefício principal a reafirmação da função social do IFRN, com o credenciamento da Instituição, através dos seus profissionais e estudantes, como provedora de soluções nas diversas áreas do conhecimento", explica o diretor 

Segundo André Gustavo, a captação de recursos para os projetos demonstra a credibilidade do IFRN e da sua comunidade acadêmica junto aos mais diversos ministérios, uma vez que o processo de aprovação é longo e complexo. "Os ministérios possuem critérios rígidos para concessão de financiamento e justamente a qualidade das propostas, aliada à credibilidade institucional, permitiram o êxito, além do apoio fundamental das ações de interlocução do reitor José Arnóbio, que não mediu esforços para viabilizar todos os trâmites burocráticos, mesmo tendo assumido a Instituição nos últimos dias do ano e com poucos dias para a execução do trabalho”, explica.

Os estudantes bolsistas que vão  atuar nos projetos serão selecionados pelos coordenadores através de editais específicos. André Gustavo acrescenta: "os alunos poderão vivenciar experiências concretas na proposição de soluções para os problemas levantados no desígnio de cada projeto, assim enriquecendo a formação do estudante, que pode ter essa vivência real durante sua formação. Com isso, o IFRN vai se credenciando junto aos diversos ministérios, o que pode abrir portas no futuro para novas captações de recursos e novos projetos”.

Confira a planilha de distribuição dos recursos: 


Valor (em reais)

Campus

Origem dos recursos

Objeto

R$ 138.720,6

Natal-Central

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO / CONIF

ACCESSCONTROL.IOT.HEATLH - TÚNEL SANITÁRIO COM CONTROLE DE ACESSO FÍSICO, MONITORAMENTO DE TEMPERATURA E DESINFECÇÃO.

R$ 499.800,00

Parnamirim

MINISTÉRIO DA ECONOMIA

TRANSFORMAÇÃO DIGITAL - REDE FEDERAL

R$ 1.002.980,00

Parnamirim

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DA REDE FEDERAL

R$ 217.760,25

Ipanguaçu

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA PECUÁRIA E ABASTECIMENTO

QUALIFICAÇÃO TÉCNICA DE ESTUDANTES PARA A INSERÇÃO NO MERCADO DE TRABALHO

R$ 2.561.742,93

Natal-central

INCRA

CENTRAL DE CAPACITAÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO DE PRODUTOS DE ASSENTAMENTOS RURAIS - PRA TU

R$ 2.462.200,00

Natal Central

INCRA

GEOREFERENCIAMENTO DOS ASSENTAMENTOS RURAIS DO RN

Ações do documento

Página em carregamento