Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / DIGTI promove reunião sobre metas previstas do quadriênio 2021-2024
TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

DIGTI promove reunião sobre metas previstas do quadriênio 2021-2024

07/03/2022 - Durante o encontro foi apresentado o cronograma de ações para formalização da área de segurança da informação

DIGTI promove reunião sobre metas previstas do quadriênio 2021-2024

Projeto de Automação de Rotinas esteve entre as pautas

Com o objetivo de discutir temas relacionados a área, a Diretoria de Gestão da Tecnologia da Informação (DIGTI) reuniu coordenadores e demais gestores para a primeira reunião dos dirigentes de Tecnologia da Informação do IFRN. A reunião, realizada no dia 18 de fevereiro de 2022, se voltou para a apresentação das principais necessidades e metas previstas no Plano Diretor de Tecnologia da Informação e Comunicação (PDTIC) 2021-2024, “com destaque à necessidade de criação de diversas normas regulatórias, tais como a criação dos normativos sobre e-mail, uso de ativos, uso da rede do IFRN, dentre outros. Destacamos também a necessidade de manutenção do parque de ativos de Tecnologia da Informação e da Comunicação (TIC), atualizações do SUAP e o início da migração dos sistemas do IFRN para nuvem pública”, disse André Gustavo, à frente da DIGTI.

Segurança da Informação

Durante o encontro, realizado de forma remota, foi apresentado o cronograma de ações para formalização da área de segurança da informação no âmbito do IFRN e definido o cronograma de execução, tais como: 

  • Criação da Equipe de Tratamento de Incidentes e Respostas a Incidentes Cibernéticos (março/2022);  
  • Adesão a Rede Federal de Gestão de Incidentes Cibernéticos (março/2022); 
  • Designação do Coordenador de Segurança da Informação, com a criação da Coordenadoria (Entre março e junho/2022); 
  • Atualização da Política de Segurança da Informação (agosto/2022); 
  • Adequações do SUAP e sistemas gerenciados pelo IFRN a Lei Geral de Proteção de Dados, com um total de 35 demandas catalogadas pela Ouvidoria do IFRN, que também desempenha o papel de Encarregado de Dados.

Outros tópicos em pauta

A reunião ainda tratou de outros temas:

Arquitetura de Rede: foi discutida a problemática relacionada ao aumento da capacidade dos links versus a capacidade de processamento dos Firewall instalados nos campi. Como encaminhamento, serão realizados estudos para vislumbrar alternativas que tenham um melhor custo/benefício para a instituição, sem perder de vista a necessidade de manutenção da segurança e da aplicação de políticas de rede.

Edital de Projetos: até o final de março de 2022 deverá ser lançado edital de projetos de pesquisa e desenvolvimento em TIC no contexto do IFRN. Com fomento à cinco projetos, está previsto orçamento para custear um pesquisador e até três estudantes, por um período de sete meses para cada projeto. As demandas estão majoritariamente ligadas a evoluções do SUAP e necessidades institucionais, assim como, módulos para gestão de ativos de hardware e software, gestão de risco e automação de voz sobre IP.

Laboratórios Remotos e Virtuais: para os Laboratórios Remotos, foi apresentada a solução para viabilizar o acesso remoto de máquinas físicas ou virtuais, através de módulo do SUAP, que permitirá a equipe de TI dos campi disponibilizar, conforme planejamento interno, o acesso remoto a parte das máquinas existente em cada campus. O módulo encontra-se operacional e disponível para uso. Cada unidade deverá definir quais máquinas/laboratórios poderão ser disponibilizados e comunicar a comunidade local; sobre os Laboratórios Virtuais (VDI): foi apresentado um piloto das alterações feitas, sendo possível todo o agendamento de uso ser feito pelo SUAP, sem necessidade de intervenção manual para seu uso. Deverão ser disponibilizados até 20 laboratórios virtuais, com 20 máquinas cada, para os campi do IFRN que possuem cursos superiores na área de Tecnologia da Informação e Engenharia, bem como nas unidades que possuem cursos técnicos nas áreas de Edificações e Produção Multimídia.

Projeto de Automação de Rotinas: com objetivo de automatizar ações diárias das equipes de TIC da Reitoria e dos campi que tem condições de serem realizadas por softwares ou diretamente pelos usuários. Ações como criação/permissão em caixas de e-mail, manutenção de acesso a servidores de arquivos, instalação de softwares e a oferta de recursos para projetos de ensino, pesquisa e extensão poderão ser realizados diretamente pelo usuário ou executados de forma automática. Com isso, espera-se que as equipes de TIC possam desenvolver outras tarefas mais estratégicas e menos operacionais no seu dia a dia, bem como trazer rapidez e segurança para a comunidade acadêmica do IFRN.

Licitações 2022: em alinhamento ao Planejamento e Gerenciamento de Contratações (PGC) 2021, o PDTIC, Planejamento 2022 e as demandas dos campi, foi apresentada a proposta das licitações sistêmicas de TIC para o ano de 2022, das quais, Ativos de redes, Cabeamento Estruturado, Computação em Nuvem e Datacenter foram tidas como estratégicas. Além disso, os processos de licitação contarão com equipes multicampi, com a coordenação da Assessoria de Governança de TIC e da DIGTI.

Ações do documento

Página em carregamento