Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Feira Brasileira de Jovens Cientistas recebe inscrições até 26 de abril
Ciência e Tecnologia

Feira Brasileira de Jovens Cientistas recebe inscrições até 26 de abril

16/04/2020 - Evento, totalmente virtual, ocorre de 26 a 28 de junho e é voltado a estudantes do Ensino Médio

Feira Brasileira de Jovens Cientistas recebe inscrições até 26 de abril

Evento terá terá palestras, workshops e uma maratona de inovação

Termina no próximo dia 26 de abril as inscrições para a primeira edição da Feira Brasileira de Jovens Cientistas (FBJC). O evento, que será totalmente virtual, vai ocorrer de 26 a 28 de junho de 2020 e terá palestras, workshops e uma maratona de inovação. Podem participar estudantes brasileiros de Ensino Médio, Técnico de Nível Médio e egressos do Ensino Médio (2019) de escolas públicas e privadas. 

Patrocinado pela Crimson Education Brasil, além de facilitar o acesso a oportunidades científicas a estudantes de Ensino Médio, o evento tem como propósito integrar, desenvolver, conectar e valorizar o potencial dos jovens cientistas e o impacto de seus projetos. Para se inscrever e conferir a programação, basta acessar o Portal da FBJC; Um importante diferencial da Feira Brasileira de Jovens Cientistas é que o evento é aberto tanto a participantes que já tem pesquisas quanto a jovens interessados em ciência, mas que ainda não desenvolvem projetos científicos

Programação e premiação

Os projetos apresentados vão concorrer a prêmios como credenciais para a Conferência Internacional de Jovens Cientistas (Icys) 2021, na Grécia, e para a Feira de Tecnologias, Engenharias e Ciências do Mato Grosso do Sul (FetecMS). Além disso, os trabalhos terão o reconhecimento de instituições como a Sociedade Brasileira de Matemática (SBM) e a Associação Brasileira de Incentivo à Ciência (Abric). Já a maratona de inovação terá uma premiação surpresa para os times que se destacarem.

Destaque na programação, a cientista brasileira Márcia Barbosa será uma das palestrantes do evento. Márcia foi mencionada pela ONU Mulheres com uma das sete cientistas que moldam o mundo. Outros nomes confirmados são: Mariana Rau, biotecnologista e coordenadora de projetos no Instituto Cientista Beta; Michelle Brito, primeira colocada em Matemática numa das maiores feiras científicas da América Latina, a Mostra Internacional de Ciência e Tecnologia (Mostratec); e Franciny Reichert, medalhista de bronze e ganhadora do prêmio de melhor pôster na International Conference of Young Scientists.

FBJC

A Feira Brasileira de Jovens Cientistas foi idealizada por quatro jovens cientistas, dentre eles, Juliana Estradioto e Daniel Verdi do Amarante, egressos da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, dos Institutos Federais do Rio Grande do Sul (IFRS) e Catarinense (IFC), respectivamente. Segundo Juliana, o IFRN foi elencado pela coordenação do evento pela confluência nas convicções da Feira e as do Instituto e "porque admiramos muito o desempenho dos alunos da instituição em atividades acadêmicas, além da excelência no processo educativo da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica", disse, por e-mail. A cientista destacou que a feira virtual tem a capacidade de incentivar e reforçar o engajamento de jovens a estimular a criatividade na realização de suas pesquisas. 

O evento tem apoio do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif), instância de discussão, proposição e promoção de políticas de desenvolvimento da formação profissional e tecnológica, pesquisa e inovação. Formado por reitores das 41 instituições (38 Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, dois Centros Federais de Educação Tecnológica (Cefets) e o Colégio Pedro II) que compõem a Rede, o Conif atua no debate e na defesa da educação pública, gratuita e de excelência.

Acesse

Feira Brasileira de Jovens Cientistas

Página de Inscrições

Conif

Com informações do Conif

Ações do documento

Página em carregamento