Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Colégio de Dirigentes discute pautas administrativas na Reitoria do IFRN
Programa de Gestão de Demandas

Colégio de Dirigentes discute pautas administrativas na Reitoria do IFRN

28/07/2022 - Gestores realizaram leitura da minuta para implantação do PGD

Colégio de Dirigentes discute pautas administrativas na Reitoria do IFRN

O Colégio de Dirigentes do IFRN (Codir/IFRN) realizou na última segunda e terça-feira, 25 e 26 de julho, reunião na Sala de Atos da Reitoria. A pauta do encontro foi o Programa de Gestão de Demandas (PGD), que permite a implantação do teletrabalho no âmbito do IFRN. Os gestores realizaram a leitura e a análise da minuta do PGD. Objetivo foi pontuar sugestões a serem avaliadas pelo Conselho Superior (Consup/IFRN) junto ao documento original.

A minuta foi elaborada pela comissão responsável, composta por dez servidores de diferentes áreas do Instituto e do Sinasefe. A proposta da minuta foi apresentada pelos servidores Rodrigo Ricelly Leite, da Pró-Reitoria de Administração (Proad/IFRN), Felipe Augusto Guedes, da Pró-Reitoria de Planejamento e Desenvolvimento Institucional (Prodes/IFRN) e Lucas Silva Pereira, da Diretoria de Gestão em Tecnologia da Informação (DIGTI/IFRN).

O documento será revisado novamente pela Procuradoria Jurídica (Proju/IFRN) para ser submetido à consulta pública da comunidade e ao Conselho Superior (Consup/IFRN). Durante a reunião do Codir/IFRN foi emitida uma recomendação para a emissão de portaria autorizando a Diretoria de Gestão de Tecnologia da Informação (DIGTI/IFRN) a desenvolver o módulo SUAP que vai acompanhar o PGD e realizar os testes na forma de programa piloto.

ENTENDA O PROCESSO DE CONSTRUÇÃO DO PGD NO IFRN

A comissão responsável deu início ao trabalho com a elaboração de uma primeira proposta. O documento foi compartilhado com os diretores-gerais, que levaram para discussão das equipes dos campi. A proposta também foi compartilhada com Sinasefe e comissões internas de acompanhamento da carreira de servidores. Além de revisões linguísticas, o documento foi avaliado pela Proju. O trabalho teve uma pausa durante a pandemia de Covid-19. Após a retomada, a proposta foi revisada pela comissão e levada para discussão em reuniões ampliadas com servidores, no período de 4 a 8 de julho. 

De acordo com Rodrigo Ricelly, na reunião do Codir/IFRN dos dias 25 e 26, "todo o texto da minuta de resolução foi apreciado. Houve muitos debates e os gestores reconheceram que o texto estava adequado para a realidade da instituição. Foram feitas algumas sugestões pontuais que não alteram em essência a ideia do PGD apresentada pela comissão". 

O texto passará novamente pela Procuradoria Jurídica e pela leitura do Codir/IFRN. Em seguida, será realizada uma consulta pública a todos os servidores do IFRN para que possam também enviar suas contribuições. O resultado dessa consulta bem como as recomendações do Codir/IFRN serão levados ao Consup/IFRN para avaliação final. Depois da aprovação do Conselho, a Resolução será publicada e o PGD implantado no IFRN. Uma outra comissão será formada a fim de acompanhar a implantação e o funcionamento.

 

 
 

Ações do documento

Página em carregamento