Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Ações se intensificam durante pandemia
Campus Canguaretama

Ações se intensificam durante pandemia

01/09/2020 - Relato traz as principais atividades realizadas por servidores e servidoras

Ações se intensificam durante pandemia

Servidores se adequam e capacitam para melhor desenvolver o fazer institucional

Os últimos 150 dias foram de planejamento e atividades remotas por parte dos servidores e servidoras do Campus Canguaretama. A unidade, junto aos demais campi do IFRN, está com as aulas suspensas desde o dia 17 de março de 2020.

Capacitações e manutenção

Durante o período de pandemia, dos 100 servidores (34 técnicos administrativos, 62 professores efetivos e quatro substitutos) do Campus, 96 participaram de capacitações e 78 de eventos relativos à área em que atuam. Além disso, 67 não só participaram como promoveram eventos ligados ao IFRN e ao seu campo de conhecimento; 58 atuaram na produção de material didático para estudantes. Como pauta, temas relacionados à educação técnico-racial, ensino híbrido, plataformas e ferramentas on-line para ensino.

"Os servidores estão buscando se adequar ao momento e se capacitar para que possamos melhor desenvolver nosso fazer. Isso tudo é baseado em nossa função social e em nosso tripé institucional: Pesquisa, Extensão e Ensino", explicou o diretor-geral do Campus, professor Flávio Ferreira.

Neste período, a Diretoria de Administração (Diad) da unidade viu aumentarem suas demandas. Encaminhamento de obras de readequação e modernização do espaço físico do Campus foram a ordem do dia, sob o comando de Fabiana Melo, diretora de Administração: reforma e adequações em ambientes internos e externos são exemplo disso. Na parte do planejamento, foram abertos processos para cobertura das arquibancadas da piscina, para construção da garagem dos veículos oficiais e para recuperação ou substituição das grades do ginásio, por exemplo. A manutenção dos elevadores já está com a licitação concluída. Por fim, houve a estruturado de um novo espaço para a Coordenação de Comunicação Social e Eventos, que iniciou pesquisas para implantação de uma rádio escola. 

A Diad trabalha ainda na elaboração de uma planta baixa para reforma do Setor de Saúde, a fim de atender as solicitações da comissão local Covid-19. Como parte das rotinas, é realizada a fiscalização diária, de forma presencial e remota, dos serviços de limpeza, de manutenção de refrigeração e de vigilância do Campus.

Ensino

Tendo à frente a Diretoria Acadêmica, dirigida pelo professor Márcio Marreiro, as ações de suporte e planejamento ao Ensino também trazem novidades. As Reuniões Pedagógicas (RP) semanais foram mantidas. Os encontros – com a participação do corpo docente e da pedagoga Pollyanna Brandão, a técnica em assuntos educacionais Gracielle Farias e a psicóloga Nívia Lopes, que compõem a Equipe Técnico-Pedagógica (Etep) – produziram comissões e documentos orientadores para o retorno às aulas, que deve acontecer de forma remota, em setembro.

Com organização da Coordenação de Atividades Estudantis (Coaes), sob responsabilidade da assistente social Dorineide Matias, e apoio da Etep, foram realizadas reuniões quinzenais do projeto Bate-Papo com os Alunos, através da plataforma Microsoft Teams. A última, que aconteceu no dia 14 de agosto, teve como tema o retorno às aulas. A pauta foi discutida também no dia 25 de agosto através do canal IFRN Canguaretama, em reunião conduzida pelo diretor-geral, professor Flávio Ferreira, e o diretor acadêmico, aberta a estudantes e suas famílias.

Além disso, continuam sendo realizadas orientações e bancas de defesa de Trabalho de Conclusão de Curso (TCC); orientação a estudantes nos diferentes níveis de ensino; orientação a estudantes em prática profissional; reuniões de orientação a projetos de Pesquisa e de Extensão; reuniões on-line para o debate de pesquisas em andamento, como também de livros e artigos, orientações para a editoração de livros; elaboração de pareceres técnicos para publicações científicas; produção e submissão de artigos científicos; produção de Projeto Pedagógico de Curso (PPC), resultado do trabalho do Comitê Local de Enfrentamento à Covid-19 e de seus dois Grupos de Trabalho (GT).

Enfrentamento à Covid-19

Através da Portaria nº 162/2020, foi formado o Comitê Local de Enfrentamento à Covid-19, com objetivos como planejar e monitorar ações criadas e desenvolvidas para a retomada das atividades e mapear os possíveis casos de contaminação. São 34 servidores e servidoras envolvidos na elaboração do Plano de Contingência Local ao Novo Coronavírus e no encaminhamento das ações administrativas para implantação dos protocolos de segurança.

Em paralelo, a partir do Comitê foram criados dois Grupos de Trabalho (GT): “Coleta de dados junto a alunos” e “Ensino Remoto”. Os dois Grupos elaboraram documentos como:

  • Relatório com os dados e as análises da Pesquisa de Acesso dos Estudantes do Campus Canguaretama às TICs;
  • Minuta com as Propostas de Diretrizes Pedagógicas e Formatos de Ensino Remoto para o Retorno às Aulas; e
  • Minuta com as Propostas de Ações para Auxílio Inclusão Digital.

As minutas foram enviadas a comissões formadas no IFRN a nível sistêmico, a fim de encaminhar as propostas aos conselhos competentes para análise e aprovação e manutenção da unidade institucional. 

Solidariedade

Como ações diretas de enfrentamento à pandemia, a Coordenação de Atividades Estudantis (Coaes), conduzida pela assistente social Dorineide Silva, também ampliou as atividades desempenhadas. Uma dessas ações foi o levantamento sobre os estudantes em situação de vulnerabilidade social para a distribuição de cestas básicas. As cestas foram adquiridas com recursos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae) e com recursos do Campus destinados a ações da Coordenação. Os servidores também realizaram contribuição para ampliar a doação. Até agora foram entregues 400 cestas básicas e atendidos 211 estudantes.

Com iniciativa dos professores Isaac Melo e Anísia Galvão, os servidores realizaram contribuições ainda para a entrega de kits de limpeza e higiene pessoal a 30 famílias do Acampamento José Martí, formado por membros do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). O Campus realizou ainda, em abril, a doação de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) à Secretaria de Saúde do Município, com o objetivo de auxiliar a Administração Pública de Canguaretama no enfrentamento à pandemia.

Integração entre Extensão, Pesquisa e Inovação

Com a coordenação do professor José Vilani de Farias, a Incubadora Tecnológica para o Fortalecimento dos Empreendimentos Econômicos Solidários do IFRN (IFSol) passou a promover reuniões online semanais, elaborar material didático e planejar as oficinas a serem realizadas com os produtores do Acampamento José Martí. O IFsol é vinculado à Coordenação de Extensão, conduzida pela técnica em secretariado Jacione Borges.

No âmbito da pesquisa, com a coordenação do professor Bruno Vitorino, responsável pela Pesquisa e Inovação do Campus Canguaretama, foi aprovado pela Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec/MEC) o projeto IF Maker. Com a seleção, um laboratório de prototipagem vai ser instalado no Campus. O espaço permitirá uma aprendizagem prática aos estudantes e poderá ser utilizado por seis outros campi do Instituto, como também por outras instituições.

Outras ações realizadas durante a pandemia foram:

I Jornada Virtual de Educação e Diversidade - com a participação do Grupo de Estudos em Educação do Campo, o Observatório da Diversidade realizou a Jornada entre os dias 30 de março e 8 de abril. Alguns conteúdos foram compartilhados no Instagram: @ledocifrncang;

Ciclo de Debates Educação em tempos de autoritarismo: evento realizado entre 29 de maio e 5 de junho pelo Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros e Indígenas;

"Michel Foucault e a Análise do Discurso": minicurso organizado pelo Observatório da Diversidade em parceria com a UFRN e a UFPB e realizado de 3 a 11 de agosto;

“Fontes para a História do Brasil”

Minicurso ofertado entre 17 e 21 de agosto, sob a condução do Laboratório de Humanidades, aberto a estudantes do ensino médio integrado.

Com o apoio do Observatório ainda estão em produção dois eventos, organizados em parceria com o IFP, IFPE e a Faculdade Pernambucana de Saúde: a II Jornada Norte-Nordeste de Gênero e Sexualidade na Educação Profissional e o II Colóquio "Marielle Franco" de Direitos Humanos & Diversidade, que vão acontecer nos dias 19 e 20 de novembro, de forma on-line.

Para conferir on-line

IF Cang no Enem

Projeto de Extensão que transmite aulas on-line de preparação para o ENEM para todo o público interessado. Com o apoio de professores e professoras de outros campi do IFRN, as aulas são transmitidas em diferentes plataformas e anunciadas na página @IFcangnoENEM (Instagram) e tem coordenação do professor Evanildo Vicente.

Observar a pandemia, recriar a (r)existência”

Com foco no enfrentamento à Covid-19, o Observatório da Diversidade, coordenado pelos professores Avelino Neto e Flávio Ferreira, promoveu esta série de lives através de página no Instagram (@obdiversidade_ifrn). Com a participação de pesquisadores de todo Brasil, as 16 lives debatiam temas relacionados à saúde e sociedade.

Observatório de Turismo

Articulando ensino, pesquisa e extensão, foram realizados encontros on-line com os estudantes do curso Técnico Integrado em Turismo e do Superior de Tecnologia em Gestão de Turismo com o objetivo de esclarecer pautas importantes da área abrangendo ainda temas como hospitalidade e lazer no período de isolamento social. O trabalho na área repercutiu no lançamento de um relatório sobre a intenção de viagens do potiguar após a pandemia de Covid-19. O relatório foi publicado através do Observatório de Turismo (ObservaTur), sediado no Campus Natal da UERN e com participação de estudantes e servidores do Campus Canguaretama.

O Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros e Indígenas (Neabi), que tem a coordenação sistêmica do professor Nilton Xavier, também organizou eventos e ações que abrangeram não só o Campus Canguaretama. O Núcleo apoiou a divulgação de ações de solidariedade às comunidades indígenas do RN. Além disso, promoveu a exposição online "As Áfricas em nós: ancestralidades negras no IFRN", que teve como motivador o Dia da África, 25 de maio. A exposição segue aberta e tem o objetivo de valorizar a história e a cultura negra no Instituto.

Acesse

Matérias divulgadas pelo Campus:

Ações do Campus Canguaretama se intensificam durante período de pandemia

Ensino, Pesquisa e Extensão se articulam no enfrentamento à pandemia

Ações de Ensino seguem ativas durante pandemia

Ações do documento

Página em carregamento