Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Ações dos Conselhos em 2021*
um ano de gestão

Ações dos Conselhos em 2021*

17/01/2022 - Consup, Consepex e Codir pensaram e decidiram o IFRN

Ações dos Conselhos em 2021*

Diretrizes pedagógicas para a volta do ensino presencial figuram entre as decisões dos conselhos em 2021

A ação dos Conselhos existentes no Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN), apesar da ocorrência da pandemia de Covid-19, não foi contida. Através de reuniões e análises, os grupos adequaram o sistema do IFRN ao novo ambiente virtual.

O retorno gradual das atividades presenciais do Instituto também precisou ser avaliado recentemente. O Conselho Superior (Consup) e o Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepex) analisaram as primeiras ideias das diretrizes pedagógicas para a volta do ensino presencial, que aconteceu no último mês de novembro.

Opinando diretamente nas decisões tomadas e ajudando na construção do melhor ambiente acadêmico para todos os campi, o Colégio de Dirigentes (Codir) manteve suas discussões em 2021. O grupo também reafirma o compromisso do Instituto com a democracia acadêmica.

Discussões do Consup em 2021

O Conselho Superior é o órgão máximo do IFRN e desempenhou um importante papel neste último ano. Com caráter consultivo e deliberativo, o Consup é composto por representações de todos os grupos da comunidade acadêmica e social do IF. O Conselho foi instituído pela Lei n° 11.892/2008, que criou os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia.

Além de analisar as decisões acerca das atividades virtuais do Instituto, como a emissão de diplomas digitais, o Consup também atuou diretamente nas ideias iniciais de retorno ao ensino presencial.

Realizada em 28 de maio de 2021, a análise da minuta de resolução referente a emissão eletrônica de certificados digitais no âmbito do IFRN foi de grande importância para a comunidade acadêmica. Para não haver a necessidade de contato pessoalmente, a minuta indicava que todos os atos e termos do processo de emissão poderiam ser produzidos, transmitidos, armazenados e assinados por meio eletrônico.

Já no dia 24 de novembro de 2021, o Conselho reuniu-se para discussão e análise da minuta das diretrizes pedagógicas de retorno das atividades presenciais. Além de avaliar a readequação das atividades acadêmicas, o Consup também, no início da reunião, realizou um momento alusivo à comemoração do aniversário de 112 anos do IFRN.

Colégio de Dirigentes auxilia na construção da excelência do IFRN

O Colégio de Dirigentes é composto por representantes dos campi do IFRN. Além do reitor e dos diretores-gerais, o Codir também é formado pelos pró-reitores, pelos diretores sistêmicos e pelos diretores dos campi avançados. Objetivando a construção de discussões com a experiência e a visão de cada dirigente, o Conselho atua ativamente na análise das decisões do Instituto.

Apesar de não apresentar caráter deliberativo, o Colégio auxilia na construção e na escolha das melhores alternativas de formação do IF. Além disso, o grupo de dirigentes é mais uma maneira de reafirmar o compromisso do Instituto com a democracia e as escolhas da comunidade, já que a grande maioria dos componentes é eleita pelo voto da sociedade acadêmica.

De acordo com o atual reitor do IFRN, José Arnóbio de Araújo Filho, o Codir possui, além do poder construtivo na tomada de decisões, uma visão singular à comunidade acadêmica. “O olhar cuidadoso de quem está à frente de cada um dos campi e de nós que estamos à frente da reitoria é importante para que possamos ter as melhores decisões para nossa instituição”, conta.

A pandemia da Covid-19 continuou e afetou a presencialidade das atividades neste último ano. Um dos tópicos mais preocupantes é a evasão escolar decorrente do ensino remoto, que cresceu em todo o país. Entretanto, o reitor afirma que o Colégio e todos os responsáveis irão pensar em estratégias que reduzam o dado.

Ações do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão em 2021

O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepex) integra o corpo administrativo do IFRN e atua diretamente nas atividades do Instituto. O Consepex tem caráter normativo, consultivo e deliberativo nas ações acadêmicas, didático-pedagógicas, científicas, artístico-culturais e desportivas.

Como o Consup, o Consepex é composto por representantes de diversos setores da comunidade acadêmica e civil. Dentre as diversas discussões estabelecidas pelo Conselho neste último ano, uma das mais relevantes foi o retorno das atividades presenciais do Instituto.

No dia 17 de setembro de 2021, o Conselho reuniu-se para analisar a proposta de retomada híbrida das aulas e ações do IFRN. A proposta foi elaborada por uma comissão coordenada pela Pró-Reitoria de Ensino. O Consup também avaliou a ideia.

O pró-reitor de Inovação e Pesquisa, Avelino Aldo Neto, afirma que, apesar das demandas represadas e surgidas devido ao contexto pandêmico, o futuro é promissor para os estudantes. “Temos a expectativa de apresentar documentos importantes relativos à gestão da pós-graduação stricto sensu e dos Centros de Tecnologia”, revela.

A atuação dos Conselhos em 2022

O diálogo de decisões, ideias e sugestões é sempre necessário. É uma maneira de reafirmar o compromisso do Instituto Federal do Rio Grande do Norte com a inovação. Apesar das dificuldades enfrentadas nos dois últimos anos, os Conselhos mantiveram seu comprometimento e proporcionaram o melhor cenário à comunidade acadêmica.

A partir disso, dando continuidade ao trabalho de excelência, todos os Conselhos atuarão ativamente na tomada de decisões acerca do Instituto. O retorno presencial proporcionará discussões ainda mais profundas e precisas, que promoverão melhoramento constante do IFRN.

Texto de Ramon Soares, estagiário de Comunicação Social - Jornalismo na Reitoria

Ações do documento

Página em carregamento