Você está aqui: Página Inicial / Campi / Pau dos Ferros / Notícias / Relatório de Gestão 2020 mostra aumento no Índice de Eficiência do IFRN
TRANSPARÊNCIA

Relatório de Gestão 2020 mostra aumento no Índice de Eficiência do IFRN

13/05/2021 - Documento relata ações desenvolvidas pelo Instituto, detalhando os recursos orçamentários utilizados

Relatório de Gestão 2020 mostra aumento no Índice de Eficiência do IFRN

Relatório de Gestão 2020 do Campus Pau dos Ferros também foi aprovado e está disponível.

No ano de 2020, o Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) passou por um dos períodos mais desafiadores em seus mais de 100 anos de história. Somando-se ao contexto da pandemia de Covid-19, a Instituição viveu uma série de mudanças de gestores no período de gestão pro tempore. Ainda assim, manteve seu compromisso com o Ensino, a Pesquisa e a Extensão. Prova disso é o Relatório de Gestão, aprovado pelo Conselho Superior (Consup) do IFRN no dia 12 de abril de 2021. O documento está disponível para leitura na íntegra e relata as ações desenvolvidas pelo Instituto, bem como a prestação de contas dos recursos orçamentários  utilizados para isso.


IFRN e os seus destaques

O Relatório de Gestão é um trabalho coordenado pela Pró-Reitoria de Planejamento e Desenvolvimento Institucional (Prodes/IFRN), construído de forma colaborativa por toda a comunidade interna. O documento foi apresentado pela assessora Solange Thomaz, da Prodes/IFRN, em reunião extraordinária do Consup. Confira os principais destaques:

  • 41 mil estudantes matriculados – 5% a mais do que o número apresentado no Relatório de Gestão 2019
  • Índice de Permanência e Êxito escolar superior a 80%
  • 12 mil estudantes na modalidade Educação a Distância, com matrículas em todo o Brasil
  • 24 mil estudantes em situação de vulnerabilidade contemplados com programas de assistência estudantil
  • 509 projetos de Pesquisa e Inovação, com a participação de mais de 1.119 estudantes pesquisadores;
  • 25 ativos de propriedade intelectual registrado, fruto de pesquisas tecnológicas e parcerias com órgãos do setor de tecnologia e inovação
  • Fortalecimento dos Programas de Pós-graduação com produção de 102 dissertações e de 768 trabalhos de conclusão de especializações
  • 219 projetos de Extensão, sendo 76% deles caracterizados como ação social
  • 500 estudantes introduzidos ao mundo do trabalho através de ações diretas do IFRN;
  •      420 eventos científicos, culturais, artísticos e tecnológico realizados de forma on-line; 
  •      Implantação de 41 projetos estratégicos previstos no Plano de Desenvolvimento Institucional 2019-2026
  • ·      Investimentos de R$ 2 milhões em estrutura de Tecnologia da Informação, com renovação do parque tecnológico e segurança contra ataques virtuais
  •      Investimento  superior a R$ 11 milhões em melhorias de infraestrutura física;
  •      Geração própria de energia solar, atendendo 57% da energia elétrica total consumida



Estratégia de gestão 2020


O planejamento estratégico do IFRN foi elaborado através do Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI), previsto no Art. 20 do Decreto nº 9.235/2017 e aprovado em 2019 para um período de cinco anos. O PDI visa a “indicar o caminho pelo qual a Instituição deve seguir no intuito de cumprir a sua missão e alcançar seus objetivos para o período mínimo de cinco anos”.


O Relatório de Gestão 2020 apresenta o Mapa Estratégico, no qual estão descritos os objetivos estratégicos a serem alcançados no período de 2019-2026. Entre eles, o IFRN já alcançou:

  • ·       Aumento do Índice de Eficiência da Instituição, passando a ser de 88.1%, e da Taxa de Matrícula Ativa Regular, que chegou a 78%. A diminuição da Taxa de Evasão, indo de 11.5% para 6.6%, do Índice de Retenção do Fluxo Escolar, que caiu 5.8%, e da Taxa de Matrícula Ativa Retida que chegou a 10.5%;
  • ·         O fortalecimento da sustentabilidade, através da implantação dos Planos de economia, uso eficiente e reuso da água e da energia elétrica em todos os campi do IFRN; e
  • ·   O fortalecimento da Pesquisa e Inovação voltada à transferência de tecnologia social, que obteve sucesso no aumento da quantidade de ativos de propriedade intelectual como resultado de inovação tecnológica e da quantidade de parcerias com entidades externas. 



Desafios futuros


O Relatório de Gestão 2020 apresenta ainda alguns desafios que o Instituto enfrentará no decorrer dos próximos meses e anos. Um deles é o retorno do ensino presencial, suspenso desde o dia 17 de março de 2020, como forma de prevenção ao vírus Sars-CoV-2, gerador da pandemia de Covid-19.


Outro desafio futuro, previsto nos objetivos estratégicos, é o desenvolvimento da internacionalização dentro do IFRN. "Embora a Instituição já tenha estabelecido parcerias com universidades estrangeiras, há, ainda, metas a serem alcançadas quanto à ampliação de oportunidades para cooperações internacionais e intercâmbios, ao fomento da cultura de internacionalização e à ampliação do orçamento próprio para a área", lembrou a pró-reitora de Planejamento e Desenvolvimento Institucional, professora Antônia Silva.


O reitor do IFRN, professor José Arnóbio, destaca que todas as ações estratégicas têm o objetivo de cumprir a missão institucional estabelecida no PDI, que é a de “prover formação humana, científica e profissional aos discentes visando ao desenvolvimento socioeconômico e cultural do Rio Grande do Norte”.


Acesse:

Relatório de Gestão 2020 do IFRN

Relatório de Gestão 2020 do Campus Pau dos Ferros do IFRN

Ações do documento

Página em carregamento