Você está aqui: Página Inicial / Campi / Pau dos Ferros / Notícias / Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas do IFRN realiza Ciclo Formativo sobre consolidação das bancas de heteroidentificação
NEABI

Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas do IFRN realiza Ciclo Formativo sobre consolidação das bancas de heteroidentificação

19/05/2022 - Primeiro encontro acontece no dia 25/5

Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas do IFRN realiza Ciclo Formativo sobre consolidação das bancas de heteroidentificação

Evento é grautuito e aberto ao público em geral.

O Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas do IFRN, o NEABI, vinculado à Pró-Reitoria de Ensino do Instituto, a PROEN, realizará o I Ciclo Formativo: Consolidação das bancas de heteroidentificação: implicações sobre o bicentenário da independência nos dez anos da "lei de cotas".


Segundo o Professor e Coordenador do NEABI sistêmico do IFRN, Dr. Gilson Rodrigues, a proposta do evento surge de diversas demandas institucionais reverberadas de complexos processos - históricos, sociais, culturais e políticos - que marcam a sociedade brasileira, sobretudo o advento do Brasil enquanto Estado Moderno e independente.


"Não é possível falar na construção da brasilidade sem falar nas diferenças e desigualdades étnicas e raciais que as constituem. Dessa forma, este evento surge pela urgência da instituição das bancas de heteroidentificação, como parte do processo de reconhecimento destas de desigualdades e garantia do exército de direito a acesso a espaços de maiores oportunidades e direitos", detalha o Professor Gilson, que também coordena o evento.


Podem participar estudantes e servidores do IFRN, além da comunidade externa. As inscrições são gratuitas e estão abertas desde a terça-feira, 17/5.


O Ciclo Formativo é gratuito e acontece por meio de sessões nos meses de maio, junho, julho, agosto e outubro em formato on-line com transmissão presencial na unidade sede em que acontecer o encontro. O primeiro encontro acontece no dia 25/5/2022, conforme programação:

Programação da primeira etapa do evento (dia 25 de maio)

08h30: abertura oficial

Condução pelo cerimonial e Professor Dr. Gilson Rodrigues.

09h: mesa-redonda
"Cota não é esmola", muito menos desordem: as bancas de heteroidentificação e a urgência do letramento racial.
Condução: Gilson Rodrigues, Thulho Siqueira e Everaldo Pereira.

14h: debate
Ecos de uma política tardia: Assegurando o que a lei de cotas “garante”.
Palestrante: Gilson Rodrigues. Mediador: Thulho Siqueira.




Toda a programação e link para acesso ao formulário de inscrições podem ser obtidos na página do evento. Acesse:

Página do evento com link para inscrições

 

Ações do documento

Página em carregamento