Você está aqui: Página Inicial / Campi / Parnamirim / Notícias / I Semana da Consciência Negra acontece no Campus Parnamirim
Consciência Negra

I Semana da Consciência Negra acontece no Campus Parnamirim

15/12/2016 - O evento faz alusão ao Dia Nacional Consciência Negra, comemorado dia 20 de novembro

I Semana da Consciência Negra acontece no Campus Parnamirim

O Campus Parnamirim realiza, entre os dias 14 e 15 de Dezembro, a I Semana da Consciência Negra, o evento é organizado pelo Grêmio Estudantil Nilo Peçanha e celebra o Dia Nacional da Consciência Negra, que ocorreu em 20 de Novembro. A realização do evento não foi possível na data comemorativa em função do envolvimento de alunos e servidores na II Secitex do IFRN que aconteceu no Campus Parnamirim.

                Como iniciativa do Grêmio, o evento teve como proposta trazer para o âmbito acadêmico a discussão sobre a discriminação enfrentada cotidianamente pelos alunos e servidores, dentro e fora da escola. Para Lucas Oliveira, diretor de comunicação da entidade, “O objetivo de proporcionar a discussão sobre a discriminação foi alcançado. A nossa expectativa é de que as pessoas tenham entendido a importância de se estabelecer debates assim dentro da escola e que outros eventos neste formato possam ser realizados nos próximos anos”.

                A programação contou com duas mesas de debates e conversas. A primeira aconteceu na noite da quarta-feira (14) e contou com a participação dos alunos dos cursos subsequentes, nela foram discutidas a “história do racismo”. Os palestrantes, o historiador Guilherme Lopes e o professor de filosofia Antônio André, guiaram os presentes por um passeio pela história no negro no Brasil e as possíveis origens para o racismo em nossa sociedade.  Na quinta-feira (15) o evento começou cedo com a Mostra Cultural de Países de Língua Espanhola, promovida pela professora Érika Moreira. Logo a seguir no auditório Dominguinhos, os alunos dos segundos anos do curso integrado, assistiram ao documentário “Minha cor, meu orgulho”, produzido pelo alunos do grêmio, e participaram de Mesa Debate “Racismo made in Brasil”, mediada pela professora Aparecida Fernandes, com a presença da antropóloga Maria Angela Bonifácio e da aluna, do terceiro ano de informática, Sabrina Avelino. Os presentes assistiram ainda a uma performance de capoeira com Mestre Marcos e finalizando a manhã, foi realizado Talk Show apresentado pelos alunos Marcos Vitor e Quéren-Hapúque com a presença do professor de geografia Romero Tertulino. Em meio a muita música os alunos ainda conversaram sobre a lei de cotas e o preconceito sofrido pelos negros nas instituições de ensino de todo país.

Para a professora de sociologia, Lucia de Fatima Vieira da Costa, “A importância de um evento como o promovido pelo Grêmio é porque possibilita a reflexão sobre o comportamento humano, sobre as atitudes individuais e coletivas que podem interferir diretamente na vida das pessoas. Viabiliza quebrar estereótipos, estimula o pensamento crítico e o diálogo sobre o que deveria ser foco de nossa formação: como o meu saber, as informações que tenho podem fazer de mim uma pessoa, um ser humano melhor”.

Ações do documento

Página em carregamento