Você está aqui: Página Inicial / Campi / Mossoró / Notícias / Olimpíada de Robótica promove cultura científica e o trabalho em equipe
Secitex 2019

Olimpíada de Robótica promove cultura científica e o trabalho em equipe

18/10/2019 - Estudantes de nove campi criaram robôs especialmente para disputar a competição

Olimpíada de Robótica promove cultura científica e o trabalho em equipe

Foto: Jozamar Oliveira.

A Estação das Artes foi palco da V Olimpíada de Robótica do IFRN, uma das atividades ocorridas durante a V Semana de Ciência, Tecnologia e Extensão do Instituto (Secitex), realizada na cidade de Mossoró. Quem estava na torcida podia conferir a tensão nos olhos dos competidores, ali para representar o trabalho realizado nos seus campi de origem.

Nesta edição, a Olimpíada recebeu a inscrição de 45 equipes, formadas por estudantes de nove campi do IFRN. Com a coordenação de Marinaldo Neto, professor de Eletrotécnica e coordenador do Curso de Eletrônica do Campus Mossoró, o evento contou com a animação e narração dos professores Gutemberg Santiago, do Campus Currais Novos, Rodrigo Barreto e Leonardo Duarte, do Campus Santa Cruz. 

Cada equipe precisava programar seus robôs para que realizassem as atividades pré-estabelecidas em três etapas da competição. Para Ana Beatriz, aequipe WAFER, do Campus Natal-Central, "a Olimpíada é o momento de apresentar algo que você mesma realizou, além de uma oportunidade de aprender a lidar com problemas, desafios e situações imprevistas". A equipe Wafer também é formada por Maria Antônia. Já para Mayra Clara, da equipe TANDERBOLT, do Campus Parnamirim, formada também por Ramon Vinícius e Ana Luiza, a competição é também um momento de divulgar essa tecnologia e de como ela está chegando para o cotidiano das pessoas. Lucas, da equipe CLAY, do Campus Santa Cruz, faz questão de destacar o espírito de colaboração como um dos principais pontos de aprendizagem durante todo o percurso até chegar a este momento. A equipe LAY é formada também por Minael,

A Olimpíada de Robótica é a culminância de uma série de etapas desenvolvidas em cada campus e que impacta diretamente na formação dos alunos envolvidos. Para o professor Marinaldo Neto, coordenador desta edição da Olimpíada, além dos alunos envolvidos, a comunidade externa tem uma oportunidade de poder conferir a qualidade do trabalho desenvolvido nos campi e de também motivar o desejo de novos jovens estudantes ingressarem nos cursos existentes no IFRN.

Fonte: Reitoria

Secitex 2019

Ações do documento

Página em carregamento