Você está aqui: Página Inicial / Campi / Mossoró / Notícias / Equipe de professores e técnicos do Campus Mossoró está produzindo saneantes e álcool em gel
projeto

Equipe de professores e técnicos do Campus Mossoró está produzindo saneantes e álcool em gel

05/05/2020 - Produtos serão doados para famílias carentes de Mossoró durante a pandemia

Equipe de professores e técnicos do Campus Mossoró está produzindo saneantes e álcool em gel

Frente à pandemia do novo coronavírus, uma equipe de professores e técnicos do Campus Mossoró do IFRN está produzindo sabão, água sanitária e álcool em gel para doarem a moradores(as) de comunidades carentes da cidade de Mossoró. A produção, que acontece nos laboratórios de química e de águas do instituto, é um projeto de extensão coordenado pelo professor Raimundo Cosme.

Serão beneficiadas cerca de 1.000 famílias. Além disso, pretende-se realizar a doação de álcool em gel para os hospitais públicos de Mossoró. Segundo o coordenador, a distribuição tem previsão para começar no início da segunda semana de maio.

“Este projeto surgiu após uma conversa com os servidores Diego Ângelo e Sermiller Barbosa e eles aceitaram enfrentar esse desafio de trabalhar durante a pandemia e ajudar pessoas carentes da nossa cidade. Submetemos o trabalho em um edital de extensão de fluxo contínuo e em outro edital da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC), neste caso, para conseguirmos recursos e comprarmos os materiais e equipamentos para a produção dos saneantes e álcool em gel”, explica o professor Raimundo Cosme.

Seguindo orientações da Pró-Reitoria de Extensão do IFRN sobre a viabilidade de desenvolver nos campi projetos de enfrentamento ao COVID-19, a Coordenação de Extensão do Campus Mossoró se articulou com os servidores e foi discutida a possibilidade da elaboração e execução de projetos que atendam às demandas da sociedade em temas ligados, preferencialmente, ao foco tecnológico do Campus.

“Cumprimentamos o professor Raimundo e sua equipe pela iniciativa e empenho nesta importante realização e confiamos que o projeto contribuirá com a sociedade na prevenção e enfrentamento à emergência de saúde pública decorrente do coronavírus”, expressa a professora Sandra Pontes, coordenadora de Extensão do Campus Mossoró.

Até o momento, já foram produzidas cerca de 400 barras de sabão e 100 litros de água sanitária. A equipe espera que assim que chegue o recurso do SETEC, a produção de barras de sabão chegue a 5.000 mil, água sanitária 5000 litros e álcool em gel 1000 litros.

“Esse trabalho é de suma importância nesse momento, pois, a cada dia que passa, é noticiado, nos meios de comunicação, um número cada vez maior de pessoas infectadas com o COVID 19”, destaca Raimundo.

A produção de saneantes será durante 4 meses, que é o tempo de duração do projeto. “No entanto, se conseguirmos doações, para a aquisição de matéria prima para a produção dos saneantes, poderemos estender esse prazo de produção”, explica o professor.

Ações do documento

Página em carregamento