Você está aqui: Página Inicial / Campi / Ipanguaçu / Notícias / Aula Magna abre I Simpósio Internacional sobre educação popular, agroecologia e memória
Simpósio Internacional

Aula Magna abre I Simpósio Internacional sobre educação popular, agroecologia e memória

13/07/2021 - Evento que marca os sete anos do Coletivo Terres acontece entre os dias 12 e 15 deste mês

Aula Magna abre I Simpósio Internacional sobre educação popular, agroecologia e memória

Evento é transmitido no canal do YouTube do Coletivo Terres

Nesta segunda-feira, 12 de julho, teve início o I Simpósio Internacional de Educação Popular, Agroecologia e Memória, realizado pelo grupo de Pesquisa Coletivo Terres (Terra, Educação e Saberes) do IFRN, sediado no Campus Ipanguaçu. Ao mesmo tempo, acontece também o II Seminário de Educação do Campo. Uma Aula Magna, ministrada pelo professor Carlos Rodrigues Brandão, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), abriu os eventos, às 19h, no canal do YouTube do Coletivo Terres.

Como forma de homenagear o Patrono da Educação Brasileira, o professor e filósofo Paulo Freire, que completaria 100 anos em 2021, a Aula Magna tem por tema "As origens históricas e a atualidade da educação popular freiriana".

A professora do Campus Ipanguaçu, Natália Melo, membro do Coletivo, conta que “Paulo Freire é importante para a gente como um educador que valoriza o educando, que se baseia em uma pedagogia do diálogo. Não é um professor que deposita conhecimento na cabeça do aluno; é uma troca. Há essa ideia de relações horizontais, de participação popular. E essas ideias, que estavam em Paulo Freire, inspiram o Coletivo Terres”.

Carlos Rodrigues Brandão

Conforme a professora Natália, os ideais freirianos inspiram não apenas o Coletivo Terres, mas, também, outros educadores, como é o caso do professor Carlos Rodrigues Brandão. “Ele tem uma vida trabalhando com educação popular. Educação essa que parte dos princípios de Paulo Freire. Nessa Aula Magna de abertura, ele se propõe a relatar a história da educação popular, e isso envolve tanto o trabalho rural quanto urbano ao longo de décadas, dos quais ele faz parte. O professor Carlos Brandão é um personagem histórico”, declarou a professora.

Atualmente, Carlos Rodrigues Brandão é professor colaborador do Programa de Pós-Graduação em Antropologia da Universidade Estadual de Campinas (PPGAS-Unicamp), professor colaborador do Programa de Pós-Graduação em Geografia da Universidade Federal de Uberlândia (POSGeo-UFU) e professor visitante da Universidade Estadual de Goiás (UEG). Possui experiência na área de Antropologia, com ênfase em Antropologia Camponesa, Antropologia da Religião, Cultura Popular, Etnia e Educação, com foco na Educação Popular.

Palestrantes nacionais e internacionais

O I Simpósio Internacional de Educação Popular, Agroecologia e Memória e o II Seminário de Educação do Campo contam com minicursos, mesas-redondas e grupos de trabalho em sua programação. Também haverão palestras, que serão ministradas por pesquisadores nacionais e estrangeiros. A lista de palestrantes convidados e a programação completa estão disponíveis no site do evento.

Acesse

Canal do YouTube do Coletivo Terres

Site do evento

Ações do documento

Página em carregamento