Você está aqui: Página Inicial / Campi / Canguaretama / Notícias / Ações de Ensino seguem ativas durante pandemia
Trabalho remoto

Ações de Ensino seguem ativas durante pandemia

28/08/2020 - Calendário acadêmico foi suspenso em março, mas deve ser retomado em setembro

Ações de Ensino seguem ativas durante pandemia

O calendário acadêmico do IFRN foi suspenso no dia 20 de março de 2020, em razão da pandemia de coronavírus. Ainda assim, as ações relacionadas ao Ensino no Campus Canguaretama não foram paralisadas, muito pelo contrário. Com a coordenação do professor Márcio Marreiro, responsável pela Diretoria Acadêmica, os servidores e servidoras continuaram desempenhando suas ações de forma on-line com dois objetivos principais: planejar o retorno às aulas e manter o contato com os estudantes.

Conforme divulgado na primeira notícia desta série, o Comitê Local de Enfrentamento à Covid-19 se dividiu em dois grupos de trabalho: “Coleta de dados junto a alunos” e “Ensino Remoto”. Os grupos vêm trabalhando no planejamento de documentos e ações para o retorno das aulas, que deve acontecer de forma remota neste mês de setembro. “Todos os nossos esforços são para que o retorno seja inclusivo, dando condições necessárias para que todos os nossos estudantes tenham acesso às aulas”, destacou o diretor-geral, professor Flávio Ferreira.

REUNIÕES ON-LINE

A fim de construir de forma participativa esse planejamento de retorno, as Reuniões Pedagógicas (RPs) vêm acontecendo todas as semanas. Com a organização da Coordenação de Atividades Estudantis (Coaes), sob responsabilidade da assistente social Dorineide Matias, e apoio da Etep, formando uma equipe multidisciplinar, foram realizadas reuniões quinzenais com os estudantes pelo projeto Bate-Papo com os Alunos, através da plataforma Microsoft Teams. A última, que aconteceu no dia 14 de agosto, teve como tema o retorno às aulas. A pauta foi discutida também no dia 25 de agosto através do canal do YouTube IFRN Canguaretama, em reunião conduzida pelo diretor geral e o diretor acadêmico, aberta a toda família dos estudantes.

Considerando a instabilidade emocional gerada na comunidade acadêmica durante a pandemia, a psicóloga Nívia Lopes passou a atuar semanalmente nas reuniões da equipe multiprofissional, pedagógicas e do Grupo de Psicologia do IFRN, responsável pelo projeto Desacelera. Passou também a realizar atendimentos semanais a estudantes, servidores e servidoras que buscaram apoio psicológico no Instituto.

CAPACITAÇÕES

De acordo com pesquisa realizada pelo setor de Comunicação Social e Eventos do Campus (Cocsev), 95,6% dos servidores e servidoras participaram de eventos de capacitações durante o período de pandemia. Parte desses eventos foram promovidos pela Diretoria Acadêmica, com apoio de outros setores, campi e instituições. Em março, foi iniciada uma série de capacitações para a docência no ensino remoto, com nove encontros com foco em temas como educação étnica-racial, ensino híbrido, plataformas e ferramentas on-line para ensino. Os encontros seguem até o final do ano letivo.

Desde o dia 29 de julho, o professor Airton Júnior, do Campus Parelhas, coordena o curso “Formação em Ensino Remoto e Híbrido” para os servidores e as servidoras do Campus Canguaretama. Com encontros semanais, o curso apresenta teoricamente as questões relacionadas a esses tipos de ensino, como também ferramentas para realização. 

Ainda em março, o professor Bruno Vitorino, coordenador de Pesquisa e Inovação do Campus, realizou a capacitação “Arduíno - do básico ao avançado”, através do seu canal no YouTube e com apoio de servidores do Campus Santa Cruz. Houve também a palestra “Uso de podcast no ensino de Ciências Humanas”, em 25 de agosto, com o professor Douglas Mota, da Ufopa. 

CURSOS ON-LINE

Outra ação realizada durante a pandemia foi o minicurso "Michel Foucault e a Análise do Discurso", organizado pelo Observatório da Diversidade, em parceria com a UFRN e a UFPB, e realizado nos dias 3 a 11 de agosto. O grupo trabalha agora na organização da II Jornada Norte-Nordeste de Gênero e Sexualidade na Educação Profissional e do II Colóquio "Marielle Franco" de Direitos Humanos & Diversidade, que vão acontecer nos dias 19 e 20 de novembro, de forma on-line. Os eventos são organizados em parceria com o IFP, IFPE e a Faculdade Pernambucana de Saúde. Também com o apoio do Observatório, o Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros e Indígenas (Neabi) realizou o I Ciclo de Debates Educação em tempos de autoritarismo, de 29 de maio a 5 de junho.

De 17 a 21 de agosto, sob a condução do Laboratório de Humanidades, foi ofertado o minucurso  on-line “Fontes para a História do Brasil”, aberto aos estudantes do ensino médio integrado. A partir do dia 15 de maio, o projeto de Extensão IF Cang no Enem, coordenado pelo professor Evanildo Vicente, transmite aulas on-line de preparação para o ENEM para todo o público interessado. Com o apoio de professores e professoras de outros campi do IFRN, as aulas são transmitidas em diferentes plataformas e anunciadas na página @IFcangnoENEM (Instagram).

Como citado na matéria anterior, continuam sendo realizadas orientações e bancas de defesa de Trabalho de Conclusão de Curso (TCC); orientação a estudantes nos diferentes níveis de ensino; orientação a estudantes em prática profissional; reuniões de orientação a projetos de Pesquisa e de Extensão; reuniões on-line para o debate de pesquisas em andamento, como também de livros e artigos, orientações para a editoração de livros; elaboração de pareceres técnicos para publicações científicas; produção e submissão de artigos científicos; produção de Projeto Pedagógico de Curso (PPC). 

Na próxima notícia, confira como as ações de Ensino, Pesquisa e Extensão vêm se integrando no sentido de realizar o enfrentamento à Covid-19.

ACESSE TAMBÉM:

Ações do Campus Canguaretama se intensificam durante período de pandemia

Ações do documento

Página em carregamento