Você está aqui: Página Inicial / Campi / Natal - Zona Norte / Notícias / Projeto MARIA promove campeonato de robótica para alunos
EXTENSÃO

Projeto MARIA promove campeonato de robótica para alunos

29/05/2019 - Competição acontece na tarde da próxima terça (4), no ginásio, com entrada franca

Projeto MARIA promove campeonato de robótica para alunos

Movimento de Robótica tem contribuído para reduzir evasão e melhorar desempenho acadêmico dos alunos participantes

O projeto de extensão "MARIA Abre as Portas: Robótica como Ferramenta de Divulgação de Ciência e Tecnologia" realiza, na próxima terça-feira (4), às 15h, no ginásio, a primeira edição do "MARIA Competition", torneio de robótica voltado para os alunos ingressantes nos cursos técnicos integrados do Campus. 

A competição representa o encerramento de um minicurso de robótica oferecido aos estudantes. A entrada é franca.

 

Pesquisa e inovação: o projeto MARIA

O MARIA – Movimento Aberto de Robótica, Inovação e Automação – existe desde 2015 com a proposta de familiarizar estudantes dos cursos técnicos de nível médio do Campus, na forma integrada, com competições de Robótica.

O nome do grupo foi inspirado no filme alemão Metrópolis (1927), cuja protagonista, Maria, teve um robô construído com a sua aparência no longínquo ano de 2026. Foi o primeiro robô de ficção científica da história do cinema. "Ficamos satisfeitos ao perceber que o nome atraía a curiosidade das pessoas para o laboratório onde realizávamos as pesquisas", revelou o estudante Rohdriggo Cardoso, integrante da primeira equipe do projeto.

O dia-a-dia no projeto conta com estudo, prática e troca de conhecimento entre os participantes. Hoje os alunos atuam em duas frentes: uma é a montagem do robô, na qual planejam estratégias para realizar circuitos com o protótipo construído no menor tempo possível; a outra é a pesquisa, quando discutem os rumos do projeto para a semana com base no estudo e nas ideias dos componentes da equipe.

 

Extensão: atuação em escolas

O projeto buscar difundir a ciência e tecnologia para jovens estudantes do ensino fundamental de escolas públicas da Zona Norte de Natal por meio da robótica, utilizando-se de metodologia que une ciência, tecnologia, engenharia e matemática para resolução de problemas práticos. "A ideia é desenvolver nesses jovens o pensamento criativo para resolução de desafios, incentivando-os a participar de olimpíadas de conhecimento, com o intuito de melhorar seus desempenhos acadêmicos, além de apresentar-lhes o IFRN, estimulando-os a fazer parte do Instituto", explicou a professora Liviane Melo, uma das coordenadoras do projeto.

"Em quatro anos, o MARIA obteve grandes resultados, como a redução da evasão e uma melhoria significativa no desempenho acadêmico dos alunos participantes, assim como conquistou diversos prêmios em olimpíadas de conhecimento", completou a coordenadora. O projeto nas escolas conta com a atuação de alunos do curso técnico em Eletrônica e do superior de Licenciatura em Informática, vinculados ao MARIA, que buscam desenvolver ações didático-pedagógicas junto aos estudantes dessas instituições de ensino, de modo a desenvolver o pensamento criativo desses jovens, contribuindo também, para a formação profissional de técnicos e licenciados.

Ações do documento

Página em carregamento