Você está aqui: Página Inicial / Campi / Natal - Central / Notícias / Projeto vai fomentar grupos de economia solidária no Rio Grande do Norte
EXTENSÃO

Projeto vai fomentar grupos de economia solidária no Rio Grande do Norte

16/01/2017 - Um número de 60 grupos será assessorado pela iniciativa, que conta com participação da Funcern

Projeto vai fomentar grupos de economia solidária no Rio Grande do Norte

Nos últimos dias 9 e 10 de janeiro, segunda e terça-feira, ocorreu no IFRN Campus Natal-Central, o seminário de planejamento das ações do projeto de Economia Solidária do IFRN. Essa é a primeira parceria no Brasil de um Instituto Federal com o Ministério do Trabalho, através da Secretaria Nacional de Economia Solidária, Senaes. 

Com foco em mulheres e jovens de baixa renda, o projeto tem como objetivo capacitar, fortalecer e fomentar grupos de economia solidária no Rio Grande do Norte. Na ocasião, reuniram-se os núcleos do programa dos Campus Natal-Central e Mossoró, além dos colaboradores externos. 

O evento contou com as presenças da pró-reitora de Extensão, profa. Régia Lopes, a diretora em exercício do Campus Natal-Central, Tânia Costa, e do coordenador de projetos da Funcern, Emerson Cortez. Para Maria Soares e Teresa Freire, coordenadoras do projeto em Natal, essa iniciativa, pioneira no estado, consolida o vínculo da Senaes e do Instituto Federal nos debates sobre Economia Solidária, sendo promissora e inovadora, significando oportunidade de trabalho tanto para os grupos assessorados quanto para o IFRN, que pode tirar dessa experiência práticas e cursos para suas unidades. 

No Seminário, foi definido o nome social do projeto: “GerAção Solidária - Mulheres e Jovens na Economia Solidária”, e o calendário de ações, que já foi iniciado e está na etapa de finalização da metodologia e do diagnóstico dos 60 grupos que serão assessorados pela iniciativa. Segundo as coordenadoras de Mossoró, Francisca Torres e Viviana Bezerra, o GerAção Solidária vai fortalecer ainda mais as redes de comércio solidário e autogestionário que já são uma realidade forte no oeste potiguar, na perspectiva da inclusão e incentivo da participação de mulheres e jovens e da construção da sua autonomia.

Fonte: assessoria de comunicação da GerAção Solidária - Mulheres e Jovens na Economia Solidária Fotos: Teotônio Roque / FUNCERN

Ações do documento

Página em carregamento