Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Secitex 2018 tem início com celebração às diferenças
Campus Natal-Central

Secitex 2018 tem início com celebração às diferenças

30/10/2018 - Evento tem como tema "Ciência para redução das desigualdades"

Secitex 2018 tem início com celebração às diferenças

Reitor do IFRN, professora Maria Luiza e artistas responsáveis pela abertura da Secitex. Foto: Flora Valverde (projeto 50 mm, Campus Natal-Cidade Alta)

Por Annapaullinna Costa (Campus Apodi)

Nessa segunda-feira (29) foi dada a largada para o maior evento do Instituto Federal do Rio Grande do Norte. A IV Semana de Ciência, Tecnologia e Extensão (Secitex), realizada neste ano no Campus Natal-Central, é norteada pelo tema “Ciência para redução das desigualdades”. O evento segue até esta quarta-feira (31) e é aberto ao público em geral. 

As atividades da Secitex tiveram início às 18h no auditório do Campus Natal Central. O espaço, com 550 lugares, ficou lotado com a presença de estudantes, servidores, diretores e demais gestores de campi, além de pró-reitores e do reitor do IFRN, professor Wyllys Farkatt Tabosa. 

A cerimônia oficial de abertura foi iniciada com a peça “O Maquinário”, produzida e encenada pelo Núcleo de Arte do Campus Mossoró. A peça abordou a importância do convívio das nossas diferenças como forma de responder à pergunta "Como a ciência pode ajudar a reduzir as desigualdades?". A peça teve a participação especial do Coral Infantil do Campus natal-Central e foi encerrada com a apresentação da Orquestra Jovem Popular, também do Campus Central. 

As falas dos gestores, representantes da Instituição, integraram as apresentações culturais realizadas pelos estudantes do IFRN. Sobre o palco, ao som da música criada pelo Núcleo de Arte do Campus Mossoró especialmente para a abertura da Secitex, o diretor-geral do Campus Natal-Central, Arnóbio de Araújo Filho, falou do prazer em receber todo o IFRN para o evento. João Gabriel Azevedo, aluno do Campus Ceará-Mirim e representante da Rede de Grêmios do Instituto, destacou a importância da expansão da Instituição pelo interior e do trabalho realizado em todos os campi para o incentivo à ciência e à tecnologia. 

O reitor Wyllys Farkatt Tabosa declarou aberto o evento motivando a participação de todos. "Depois da grandiosidade da mensagem passada pela peça O Maquinário, não tenho palavras. Cada dia essa instituição me surpreende mais. Cada dia vocês me alegram mais", declarou o reitor que, em seguida, puxou do auditório um coro com o refrão da música "O que é, o que é", de Gonzaguinha. Ao final, reforçou: "boa Secitex a todos, sejamos todos felizes!".

Sobre a III Secitex

A Secitex, em sua quarta edição, tem caráter itinerante e integra sete eventos: XIII Congresso de Iniciação Científica (Congic), o V Simpósio de Extensão, a V Mostra Tecnológica do IFRN, o II Prêmio de Empreendedorismo Inovador, a IV Exposição Científica, Tecnológica e Cultural (Expotec) do Campus Caicó, a II Mostra Coletiva de Arte e a III Olimpíada de Robótica do IFRN. Neste ano com mais de 3 mil inscritos, conta com apresentação de 351 projetos no Congic, 157 no Simpósio de Extensão, 40 na mostra tecnológica, além de 80 inscritos no Prêmio de Empreendedorismo Inovador, 51 equipes na Olimpíada de Robótica, além de apresentações de teatro, música, vídeo e fotografia na Mostra Coletiva de Arte.

Secitex 2018

Ações do documento

Página em carregamento