Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Professor do IFRN promove visita virtual a um dos maiores centros de ciência do mundo
Ciência

Professor do IFRN promove visita virtual a um dos maiores centros de ciência do mundo

15/08/2017 - Visita ao CERN, na Suíça, aconteceu na Campus Party e faz parte das ações de projeto de Extensão

Professor do IFRN promove visita virtual a um dos maiores centros de ciência do mundo
Na última sexta-feira (11), os participantes da Campus Party Bahia 2017 (CPBA) tiveram a oportunidade de entender o funcionamento do maior acelerador de partículas do mundo, o LHC (Large Hadron Collider) e um de seus detectores principais, o Experimento ATLAS, que ficam localizados na Organização Europeia para a Pesquisa Nuclear (CERN). 

O professor Amadeu Albino Júnior, do Campus Natal-Central do IFRN, apresentou duas Conferências na CPBA, dentre as quais, uma Visita Virtual ao Experimento ATLAS, em parceria com os pesquisadores Denis Oliveira Damazio (Experimento ATLAS/CERN) e Dayana Oliveira Gonçalves (Doutoranda/UFJF). 
 
O CERN fica na Suiça e conta com a colaboração e o acompanhamento de pesquisadores de todo o mundo. São cerca de cinco mil físicos de cerca de 180 instituições em 38 países.  Em 2012, foi responsável pelo anúncio da descoberta do “Bóson de Higgs", também conhecido como "partícula de Deus". O estudo da partícula ajuda a responder a perguntas essenciais da Ciência, como "de onde surgiu o Universo" - por isso a referência a Deus. Higgs, na verdade, é o sobrenome de Peter, cientista britânico que desde 1964 investigava a existência do Bóson, que seria uma das partículas essenciais da matéria.

Essas pesquisas foram possíveis graças ao Experimento ATLAS, que proporcionou, juntamente com o Experimento CMS, essa que foi a maior descoberta científica dos últimos anos. O Experimento é um detector geral com o objetivo de cobrir o maior número possível de Física no LHC, desde a da busca do Bóson de Higgs à supersimetria (SUSY) e dimensões extras.
 
Por meio de uma Visita Virtual ao Experimento ATLAS, utilizando ferramentas de videoconferência baseadas na WEB, o professor Amadeu proporcionou aos participantes da Campus Party interagirem com pesquisadores desse que é o maior laboratório científico do mundo. Durante a atividade, era possível tirar dúvidas quanto ao acelerador e à Física de Partículas.
 
O Universo das Partículas: Desvendando o LHC e o Experimento ATLAS
 
Para esclarecer melhor sobre os fundamentos físicos do experimento, no mesmo dia da Visita Virtual, Amadeu Albino proferiu ainda a palestra com o título acima. A Física de Partículas é responsável por estudar os menores objetos da natureza. Para o professor, "entender o muito pequeno é fundamental, pois nos permite compreender o muito distante no tempo, que seriam os pequeno momentos após o Big Bang, uma das teorias que explicam o desenvolvimento inicial do Universo". Como explica Amadeu, esse é um dos principais objetivos que fundamentaram a necessidade de construção do Grande Colisor de Hádrons (LHC), Large Hadron Collider em inglês, o maior acelerador de partículas do mundo.

Extensão
 
As duas conferências são frutos do projeto de Extensão “Inclusão científica: do conhecimento à divulgação da Física de Partículas”, coordenado pelo professor.O projeto conta com a participação de 12 professores de 9 campi diferentes do IFRN, além do apoio de pesquisadores do Cerne, do Laboratório de Instrumentação em Física Experimental de Partículas (LIP – Portugal), do International Institute Physics (Brasil), da UFRN, e da UERJ. Entre 17 e 25 de setembro próximo, o grupo de professores estará realizando uma Visita Técnica ao LIP e ao CERN, como parte da formação e capacitação docente.

Ações do documento

Tags: , ,
Página em carregamento