Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / IFRN oferta capacitação em Causa Básica do Óbito
navi

IFRN oferta capacitação em Causa Básica do Óbito

06/09/2018 - Em parceria com o Ministério da Saúde, o Instituto pretende capacitar profissionais da rede pública de saúde

IFRN oferta capacitação em Causa Básica do Óbito

O Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) realiza Curso de Codificadores de Causa Básica de Óbitos. A capacitação é coordenada pelo Núcleo Avançando de Inovação Tecnológica (Navi), um laboratório criado para o desenvolvimento de sistemas e tecnologias voltadas à inovação. Em parceria com o Ministério da Saúde, o curso tem como principal objetivo, capacitar profissionais da rede pública municipal de saúde para identificar as causas básicas de óbito

Por meio de regras de seleção e disposições relacionadas à classificação Estatística Internacional de Doenças (CID-10), a capacitação acontece para pessoas de todos os estados do país. "O intuito é promover a qualificação profissional de trabalhadores das Secretarias de Saúde dos Estados e Municípios, responsáveis pela codificação da causa básica do óbito”, afirmou João Paulo Queiroz, coordenador e pesquisador projeto. 

De acordo com a professora responsável pela aplicação do curso em Natal, Maria Cícera Praxedes, o papel do codificador é de extrema importância, pois ele é o profissional que transforma a nomenclatura das doenças contidas nos atestados de óbitos, formulados por médicos, em códigos que representam essas enfermidades de acordo com o que é compreendido e utilizado pelo Sistema sobre Informação de Mortalidade (SIM). “No atestado de óbito vem várias informações, várias doenças que a pessoa teve. Então, a gente vai trabalhar para as qualificações desse óbito e da informação, para que, assim, a gente tenha ações contra aquela causa de morte dento do estado. Então, isso é muito importante, pois vai melhorar muito a Paraíba, em resultados positivos para a população e dar visibilidade do nosso trabalho a nível nacional”, disse Maria. 

Sobre o Navi

Criado no ano de 2014, o Navi está localizado no Campus Natal-Central do IFRN, porém o grupo de pesquisadores é composto por professores de diversos campi do Instituto. Também participam do núcleo técnicos administrativos do Instituto e alunos de nível médio e superior, que dão suporte às pesquisas e às atividades de desenvolvimento de software.

Mesmo com o pouco tempo de funcionamento, o Navi já desenvolveu importantes produtos e parcerias, como a Mesa de Negociadores e Rede Observa. Os sistemas web foram desenvolvidos em parceria com o Ministério da Saúde. "Um Núcleo de Pesquisa para uma instituição de ensino é fundamental, pois contribui de forma significativa para a formação no âmbito acadêmico e profissional dos alunos e, assim, promove o fortalecimento da instituição de ensino", comenta Robinson Alves, coordenador do Navi. 

As atividades do Núcleo já ultrapassaram as fronteiras do Brasil, como é o caso do projeto da Plataforma de Livre-Trânsito de Profissionais no Mercosul, responsável pelo desenvolvimento de um sistema de informação que será responsável pela gestão do livre trânsito dos profissionais de saúde dos cinco países participantes. O projeto é realizado em parceria com a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) e Ministério da Saúde.

Ações do documento

Página em carregamento