Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Fórum Estadual Mineral destacou experiências do IFRN no setor
Pesquisa e Inovação

Fórum Estadual Mineral destacou experiências do IFRN no setor

02/12/2019 - Evento contou com palestras e promoveu visita às futuras instalações do PAX

Fórum Estadual Mineral destacou experiências do IFRN no setor

A mesa de abertura do Fórum destacou os diversos aspectos do setor mineral do Rio Grande do Norte

Na última quinta-feira (28), aconteceu na Escola de Governo do Rio Grande do Norte, no Centro Administrativo do Estado, o Fórum Estadual Mineral 2019 (FEM), promovido pelo IFRN em parceria com o Governo do Estado. A programação do Fórum contou com palestras do diretor do CT Mineral do IFRN João Batista Monteiro e do professor Alexandre Magno da Costa sobre o Potencial Mineral do RN.

Além disso, o professor Cleonilson Mafra discursou sobre “Extração de óxido de de Nióbio e tântalo a partir da tantalita/columbita” e o diretor de Inovação Tecnológica do IFRN, João Teixeira, participou da mesa de abertura destacando importância da instituição para alavancar o desenvolvimento do setor produtivo no estado abrangendo as esferas do ensino, pesquisa e extensão. 

Durante o evento também aconteceu a visita ao Parque Científico e Tecnológico Augusto Severo (PAX). O ambiente de inovação é proveniente da parceria entre Instituições Científicas, Tecnológicas e de Inovação, Governo do Estado do Rio Grande do Norte, Federação das Indústrias, Federação do Comércio, Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas e prefeituras da Região Metropolitana de Natal. Na ocasião, estiveram presentes a pró- reitora de pesquisa e inovação em exercício, Kadydja Chagas, representando o IFRN, juntamente com a professora Ângela Paiva Cruz, assessora especial para o Parque Tecnológico, representante da UFRN, além dos representantes da Escola Agrícola de Jundiaí, Assembleia Legislativa do RN e do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e comunicações e Instituto Santos Dumont (ISD).

O PAX tem como objetivo desenvolver ações contemplando pesquisas em três linhas principais: energia, reabilitação em saúde e  indústria 4.0, desenvolvidas por meio da experiência e expertise das universidades (UFRN, UERN e UFERSA) e dos institutos (IFRN e ISD). O projeto deve sediar o desenvolvimento das ações entre a academia, o setor produtivo e os governos.

Ações do documento

Página em carregamento