Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Conheça os cursos de graduação do IFRN ofertados via SISU
Ensino

Conheça os cursos de graduação do IFRN ofertados via SISU

13/06/2018 - Inscrições estão abertas até a próxima sexta-feira (15)

Conheça os cursos de graduação do IFRN ofertados via SISU

Estão abertas as inscrições para o Processo Seletivo dos Cursos Superiores de Graduação ofertados pelo IFRN, com ingresso no segundo semestre letivo de 2018. Todas as informações sobre a seleção estão disponíveis no Edital Nº 17/2018, divulgado pela Pró-Reitoria de Ensino. 

As inscrições deverão ser efetuadas exclusivamente no Portal do SiSU, ficando disponíveis para os estudantes até as 23h59 (horário de Brasília-DF) da próxima sexta-feira (15). Candidatos que não tenham acesso à internet poderão realizar inscrições em qualquer um dos campi do IFRN, seguindo os horários pré-estabelecidos no edital.

Para este semestre, o IFRN disponibiliza 380 vagas distribuídas em diversas unidades, para cursos superiores de licenciatura e tecnologia. Confira a seguir mais informações a respeito de cada graduação:

 

Cursos Superiores de Licenciatura (80 vagas)

 

Matemática (Campus Mossoró): forma profissionais que atuam na educação básica e em cursos de formação de professores. O licenciado é capaz de atuar diretamente na sala de aula e na elaboração de materiais didáticos voltados para o ensino da disciplina, bem como desenvolver pesquisas no campo da Educação Matemática. Além disso, aplica teorias matemáticas na resolução de problemas relacionados a diversas áreas do conhecimento nas quais o pensamento matemático se faz presente, como Física, Estatística, Biologia, Administração, Economia, Engenharia, entre outras. O bacharel em Matemática também pode desenvolver pesquisas nas áreas da Matemática Pura e Aplicada.

Espanhol (Campus Natal-Central): em modalidade presencial, o intuito do curso, que dura quatro anos, é formar professores licenciados em Língua Espanhola para Educação Básica com visão ampla do papel do educador, capazes de trabalhar em equipes multidisciplinares e interdisciplinares, utilizar os conhecimentos linguísticos para a compreensão do mundo e para a resolução de problemas do seu cotidiano.

Física (Campus Santa Cruz): tem o intuito de formar integralmente o profissional, que estará apto a disseminar o saber da Física nas diferentes instâncias sociais, na educação formal ou informal, em museus de ciência ou afins, além de poder coordenar atividades de popularização da Física. O licenciado em Física é também capaz de planejar e confeccionar material didático para ensino-aprendizagem da disciplina. 

Cursos Superiores de Tecnologia (300 vagas)

Gestão Ambiental (Campus Mossoró e Natal-Central): objetiva a formação de profissionais que planejam, gerenciam e executam as atividades de diagnóstico, avaliação de impacto, proposição de medidas mitigadoras, recuperação de áreas degradadas, acompanhamento e monitoramento da qualidade ambiental. Regulação do uso, controle, proteção e conservação do meio ambiente, avaliação de conformidade legal, análise de impacto ambiental, elaboração de laudos e pareceres são algumas das atribuições deste profissional, podendo elaborar e implantar ainda políticas e programas de educação ambiental, contribuindo assim para a melhoria da qualidade de vida e a preservação da natureza.

Análise e Desenvolvimento de Sistemas (Campus Natal-Central): a graduação capacita o bacharel para analisar, projetar, documentar, especificar, testar, implantar e manter sistemas computacionais de informação. O analista e desenvolvedor de sistemas trabalha, também, com ferramentas computacionais, equipamentos de informática e metodologia de projetos na produção de sistemas. Raciocínio lógico, emprego de linguagens de programação e de metodologias de construção de projetos, preocupação com a qualidade, usabilidade, robustez, integridade e segurança de programas computacionais são fundamentais à atuação deste profissional.

Gestão Pública (Campus Natal-Central): destinado à formação de profissionais que atuam em instituições públicas, nas esferas federal, estadual ou municipal. Suas atividades centram-se no planejamento, implantação e gerenciamento de programas e projetos de políticas públicas. Com sólidos conhecimentos sobre as regulamentações legais específicas do segmento, este profissional busca a otimização da capacidade de governo. O trato com pessoas, a visão ampla e sistêmica da gestão pública, a capacidade de comunicação, trabalho em equipe e liderança são características indispensáveis ao gestor público.

Redes de Computadores (Campus Natal-Central): a elaboração, gerenciamento, implantação e manutenção de projetos lógicos e físicos de redes de computadores locais e de longa distância são funções deste tecnólogo. Entre as áreas de desempenho deste profissional estão a conectividade entre sistemas heterogêneos, diagnóstico e solução de problemas relacionados à comunicação de dados, segurança de redes, avaliação de desempenho, configuração de serviços de rede e de sistema de comunicação de dados. Conhecimentos de instalações elétricas, teste físico e lógico de redes, normas de instalações e utilização de instrumentos de medição e segurança são requisitos à atuação deste profissional.

Construção de Edifícios (Campus Natal-Central): o objetivo desta graduação é formar profissionais atuantes no gerenciamento, planejamento e execução de obras de edifícios. O tecnólogo é que orienta, fiscaliza e acompanha o desenvolvimento de todas as etapas deste processo, incluindo desde o planejamento e acompanhamento de cronogramas físico-financeiros, até o gerenciamento de resíduos das obras, objetivando, em todas estas etapas, segurança, otimização de recursos e respeito ao meio ambiente. Atuam também na restauração e manutenção de edificações, comercialização e logística de materiais de construção.

Marketing (Campus Natal-Zona Norte): o objetivo geral do curso é oferecer uma educação de qualidade, envolvendo discussões atuais e emergentes de base científica, técnica e humanista nas grandes áreas de conhecimento do Marketing, preocupando-se durante todo o processo de aprendizagem, com a formação de um profissional crítico, ético e cidadão, que anseie pela melhoria contínua da sociedade. A formação tecnológica proposta no modelo curricular deve propiciar ao aluno condições de assimilar, integrar e produzir conhecimentos científicos e tecnológicos na área específica de sua formação; analisar criticamente a dinâmica da sociedade brasileira e as diferentes formas de participação do cidadão-tecnólogo nesse contexto; e desenvolver as capacidades necessárias ao desempenho das atividades profissionais.  

Processos Químicos (Campus Nova Cruz): é intuito do curso formar profissionais aptos a atuar nas indústrias química, petroquímica, eletroquímica, farmacêutica, alimentícia, mineradora e de produção de insumos. Com vistas a otimizar e adequar os métodos analíticos envolvidos no controle de qualidade de matérias-primas, reagentes e produtos dos processos químicos industriais, esse tecnólogo planeja, gerencia e realiza ensaios e análises laboratoriais, registra e interpreta os resultados, emite pareceres, seleciona os métodos e as técnicas mais adequadas à condução de processos de uma unidade industrial, considerando em sua atuação a busca da qualidade, viabilidade e sustentabilidade, com amplo domínio teórico e experimental, incluídos o caráter ético, humano e empreendedor, conforme recomenda o Catálogo Nacional de Cursos Superiores de Tecnologia – CNCST. 

Logística (Campus São Gonçalo do Amarante): a dinâmica do curso envolve discussões atuais e emergentes de base científica, técnica e humanista nas grandes áreas de conhecimento da logística, preocupando-se durante todo o processo de aprendizagem, com a formação de um profissional cidadão, que anseie pela melhoria contínua da sociedade. Tem como finalidade formar profissionais capazes de tomar decisões nos três diferentes níveis gerenciais de uma organização, as quais envolvem, simultaneamente, a redução dos custos logísticos e a melhoria na prestação dos serviços. Além disso, visa contribuir para a formação crítica e ética do estudante frente às inovações tecnológicas, de maneira que seja capaz de avaliar o impacto das mudanças tecnológicas no ambiente corporativo, ambiental, político e social.   

 

Ações do documento

Página em carregamento