Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Aluno do IFRN vence prêmio nacional de sustentabilidade
Green Project Awards

Aluno do IFRN vence prêmio nacional de sustentabilidade

05/09/2012 - Projeto vencedor será apresentado em Portugal, onde o evento é realizado desde 2008

Aluno do IFRN vence prêmio nacional de sustentabilidade

Com um projeto voltado para combater o desperdício de água, o curraisnovense José Fernandes Dantas Júnior, aluno do 2º ano do curso Técnico em Informática do Câmpus Currais Novos do IFRN, venceu o prêmio Green Project Awards (GPA) Brasil, na categoria  Iniciativa Jovem.

O projeto idealizado por ele, “Educação Ambiental nas Escolas Através de Jogos Interativos: criação de jogos interativos para combater o desperdício de água”, conquistou o Galardão, troféu alusivo ao primeiro lugar, na categoria Iniciativa Jovem, que se destina às iniciativas ou projetos criados e desenvolvidos por jovens com idade até 24 anos.

"Compartilho com todos a grande emoção que senti com a repercussão que teve a premiação do José Fernandes, de apenas 16 anos, no evento. O projeto dele estava competindo com os de alunos universitários da UFMG, da UFSC etc", destacou Uliana Carina Lopes, Coordenadora de Pesquisa do Câmpus Currais Novos. 

O Prêmio Green Project Awards foi criado em Portugal, no ano de 2008, pela GCI, empresa de consultoria que aborda o desenvolvimento sustentável. Realizado pela primeira vez no Brasil em organização conjunta com o Instituto Nacional de Tecnologia (INT), do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, o GPA é dividido em quatro categorias, enfatiza a inovação social, a sustentabilidade e o voluntariado. 

De acordo com José Fernandes, o projeto idealizado por ele consiste na criação de jogos para computadores - que seriam distribuídos em escolas públicas - com programação e design voltados aos gostos de crianças e adolescentes. “A ideia é conscientizar por meio do jogo utilizando a linguagem e a pedagogia para disseminar os conceitos de sustentabilidade”, explicou José Fernandes.

O trabalho contou com a orientação da professora de língua portuguesa, Marta Helena Feitosa Silva, que destacou a curiosidade, a iniciativa e o empenho do aluno na elaboração do projeto vencedor. “O José Fernandes achou o concurso na internet, trouxe a temática para discutirmos, dei as orientações e ele desenvolveu o projeto. A minha contribuição se deu na correção ortográfica e orientações de cunho acadêmico”, afirmou Marta Helena. 

A premiação nacional aconteceu na última sexta-feira (31), no auditório da Petrobras, no Rio de Janeiro.  De acordo com a comissão organizadora, José Fernandes poderá também ser contemplado com uma bolsa de pesquisa ou estudo ou ainda participar de programas de estágios desenvolvidos pelas entidades e empresas apoiadoras do GPA Brasil. Na próxima quarta-feira (12), ele e Marta Helena viajam a Lisboa, Portugal, onde vão apresentar o projeto na cerimônia de entrega do GPA 2012.

Com 200 candidaturas nesta primeira edição brasileira, que teve a temática "Juntos pelo Brasil", o concurso passará a ser anual no país. Ainda este ano, será levado também para Moçambique e Angola. Mais informações sobre Green Project Awards Brasil podem ser acessadas no seguinte endereço: http://www.gpabrasil.com.br/brazil-home.html 

Ações do documento

Página em carregamento