Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / 14ª edição do CONGIC traz inovação e trabalhos aperfeiçoados
Secitex

14ª edição do CONGIC traz inovação e trabalhos aperfeiçoados

31/10/2018 - Participantes acreditam que o resultado dos projetos ajuda na redução da desigualdade

14ª edição do CONGIC traz inovação e trabalhos aperfeiçoados

O Congic contou com apresentações orais e posteres; foto Juca Maia

Por Leonardo  Figueiredo (estagiário do Campus Parnamirim)

Uma janela para visualizar os principais trabalhos realizados por alunos e servidores dos 21 campi do IFRN. É nessa tônica que o público percebe a Semana de Ciência, Tecnologia e Extensão do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (Secitex). Além de movimentar estudantes e o corpo docente da instituição, a comunidade externa também tem a possibilidade de verificar as ações desenvolvidas dentro dos muros dos campi. Essas foram as observações declaradas pelo aluno Gustavo Henrique Martins e seu professor-orientador, Márcio Marreiro das Chagas. Vindos do Campus Canguaretama, ambos já são veteranos quando o assunto é participar do Congresso de Iniciação Científica do IFRN (Congic): "esse Congresso é muito importante porque é uma iniciação científica, iniciação à pesquisa, e isso possibilita – até para alunos novatos – mostrarmos nossos trabalhos. É uma oportunidade para crescer, tanto academicamente quanto profissionalmente”, declarou o estudante do curso integrado de Eventos. Neste ano, o Congic chega em sua 14ª edição com inovação e trabalhos aperfeiçoados. Eles apresentaram o trabalho "Eventos Criativos associados ao Turismo de Base Étnica como estratégia de desenvolvimento local nas Comunidades Indígenas e Quilombolas da Microrregião do Litoral Sul"

Apresentações

Gustavo também apontou que a diferença do Congic deste ano para edições anteriores se encontra, principalmente, na inovação. “Há uma inovação em relação à apresentação de pôsteres. A edição passada, que foi em Caicó, foi pôster impresso. Este ano foi digital e acredito que isso seja uma inovação, especialmente pela questão da sustentabilidade”. O professor Márcio, que é coordenador de Pesquisa e Inovação no Campus Canguaretama, ressaltou a importância do Congic e enfatizou a sofisticação dos trabalhos apresentados. “O Congic é um evento muito importante porque nós congregamos o que estamos construindo na instituição e tornamos público algo que muitas vezes fica restrito. Mostramos os resultados de pesquisas e todo o esforço em prol da resolução de problemas que são oriundos da própria sociedade. Há uma evolução de números de trabalho a cada ano, assim como também cresce a qualidade deles. Os trabalhos vão se aperfeiçoando”, disse.

Redução das desigualdades

Márcio encerrou sua fala fazendo uma ponte com o tema da Secitex deste ano, que diz respeito à redução das desigualdades: “eu acho que todo o esforço que viemos fazendo em pesquisa e extensão, em especial no ensino, é uma dedicação que tem sido muito importante para esse fim. Porque os programas são tantos, e tão diversificados, muitos dos quais voltados para questões que provocam a desigualdade, que o fato de você atuar nessa pluralidade de projetos colabora para pelo menos problematizarmos a origem desse problema e pensar alternativas para que de fato os obstáculos diminuam”. 

Ações do documento

Tags: , ,
Página em carregamento