Você está aqui: Página Inicial / Campi / Ipanguaçu / Notícias / Alunos do campus Ipanguaçu tem 27 trabalhos aprovados para apresentação no VI CONEDU
CONEDU

Alunos do campus Ipanguaçu tem 27 trabalhos aprovados para apresentação no VI CONEDU

11/11/2019 - A sexta edição do Congresso aconteceu durante os dias 24, 25 e 26 de outubro, em Fortaleza/CE

Alunos do campus Ipanguaçu tem 27 trabalhos aprovados para apresentação no VI CONEDU

Delegação do Campus Ipanguaçu que participou do VI CONEDU

Durante os dias 24 e 26 de Outubro, alunos do Campus Ipanguaçu do IFRN participaram do VI Congresso Nacional de Educação, que aconteceu na cidade de Fortaleza/CE. A temática da sexta edição do CONEDU “Avaliação: Processos e Políticas” tratou dos aspectos relacionados à avaliação da educação passando pela educação básica, o ensino superior e a pós-graduação. O evento também foi uma possibilidade para apresentar a produção do conhecimento através das discussões dos grupos de trabalho do CONEDU e contemplar os participantes com as discussões sobre avaliação no contexto atual da educação, envolvendo profissionais de diferentes setores de atuação. 

Vários projetos de alunos orientados por professores do Campus Ipanguaçu foram apresentados nas modalidades banners e apresentação oral. O Professor Carlos Júnior, Coordenador do Pibid do curso de Química, que também viajou com a turma até Fortaleza, onde participaram do Congresso, é um dos que incentiva os estudantes participantes do Programa, a aproveitarem as oportunidades que surgem durante a trajetória acadêmica, como a experiência vivida por alguns no CONEDU, como ressalta em sua fala “O incentivo à formação docente, desde o início do curso de licenciatura é uma oportunidade de desenvolvimento do crescimento acadêmico e profissional, ou seja, com o Pibid, o estudante não precisa esperar o término do curso para poder atuar em uma escola. Já no primeiro ano de graduação, os pibidianos pesquisam, elaboram projetos e os desenvolvem nas escolas parceiras do programa. Contudo, essas experiências vivenciadas no âmbito local devem ser compartilhadas e publicizadas.“

O professor ainda defende a participação dos alunos no evento: Neste sentido, entendemos que a participação no CONEDU seria uma grande oportunidade de publicação e divulgação de nossos trabalhos e ações realizadas nas escolas colaboradoras do IFRN Campus Ipanguaçu. Este evento com respaldo nacional valoriza, sobretudo, pesquisas com víeis educacional. Foi exatamente o que vivenciamos nos três dias de evento, ótimas pesquisas e trabalhos representando várias áreas de diversas instituições de todo país. Foi uma experiência muito rica e exitosa para todos nós, principalmente para os que participaram pela primeira vez. Vendo esses resultados, nos sentimos mais motivados à trabalhar no desenvolvimento de novas pesquisas e projetos.

 

São projetos que oportunizam a reflexão sobre demandas da educação atual, apresentam potencialidades e levantam discussão sobre diversos eixos do ensino. A Equipe Gestora do Campus Ipanguaçu parabeniza a todos os alunos e servidores envolvidos, elencados abaixo:

1. “EDUCAÇÃO AMBIENTAL COM FOCO NO DIREITO HUMANO À ÁGUA POTÁVEL: AÇÕES NO PROGRAMA MULHERES MIL DO IFRN – CAMPUS IPANGUAÇU”

Autores: Ingrid Samek Xavier da Silva e Maria Millena Castro da Cunha;

Orientador: Andrey Luna Saboia.

2. UM CATÁLOGO DE METODOLOGIAS DE ENSINO APLICADAS À PROGRAMAÇÃO

Autores: Bruno Câmara Araújo; Sâmara Beatriz Sugimoto Faustino; Frank Manoel De Oliveira Neves;
Orientador: Daniel Aguiar Da Silva Oliveira Carvalho.


3. UMA PLATAFORMA WEB PARA PROPAGAR NOTÍCIAS NO CAMPO

Autores: Marcio Bruno Rufino De Oliveira; Melissa Sabrina Barbalho Da Silva;
Orientadores: Daniel Aguiar Da Silva Oliveira Carvalho; Jose Geraldo Bezerra Galvão Junior.


4. A EVASÃO NO CURSO DE LICENCIATURA EM INFORMÁTICA DO IFRN – CAMPUS IPANGUAÇU (2011/2019)

Autores: Frank Manoel De Oliveira Neves; Sâmara Beatriz Sugimoto Faustino; Vânia Karla Dantas Ricardo;

Orientador: Daniel Aguiar Da Silva Oliveira Carvalho.

5. A GAMIFICAÇÃO E SUAS POTENCIALIDADES NO PROGRAMA RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA

Autores: Sâmara Beatriz Sugimoto Faustino; Frank Manoel De Oliveira Neves; Vânia Karla Dantas Ricardo;

Orientador: Daniel Aguiar Da Silva Oliveira Carvalho.

6. INCLUSÃO DIGITAL COMO ESTRATÉGIA PARA INSERÇÃO DO ENSINO DE INFORMÁTICA

Autores: Vânia Karla Dantas Ricardo; Sâmara Beatriz Sugimoto Faustino; Frank Manoel De Oliveira Neves;

Orientador: Daniel Aguiar Da Silva Oliveira Carvalho.

7. PENSAMENTO COMPUTACIONAL NAS COMUNIDADES QUILOMBOLAS: PROPOSTA E DESENVOLVIMENTO EM BELA VISTA PIATÓ

Autores: Yasla Emanuelle De Almeida Moreira; Rafael Cavalcanti De Castro;

Orientador: Daniel Aguiar Da Silva Oliveira Carvalho

8. A IMPORTÂNCIA DO PROFESSOR PARA INGRESSO DE ALUNOS NO CURSO DE LICENCIATURA EM QUÍMICA NO IFRN - CAMPUS IPANGUAÇU

Autores: Joyce Inacia de Oliveira; Kamila da Silva Costa;

Orientador: Breno Trajano de Almeida.

9. UTILIZAÇÃO DE GLOSSÁRIO EM LIBRAS COMO FERRAMENTA PARA ENSINO E APRENDIZAGEM DE ALUNOS COM DEFICIÊNCIA AUDITIVA NAS AULAS DE QUÍMICA DA ESCOLA ESTADUAL JUSCELINO KUBITSCHEK NA CIDADE DE ASSU/RN

Autora: Juliana de Moura;

Orientador: Carlos Antônio Barros e Silva Júnior.

10. OFICINA DE SAPONIFICAÇÃO COMO PROPOSTA METODOLÓGICA NO COMBATE À EVASÃO ESCOLAR NAS TURMAS DE EJA: UMA AÇÃO DO PIBID NA ESCOLA ESTADUAL JUSCELINO KUBISTCHEK EM ASSU-RN

Autores: Sabrina Mirelly de Souto Lopes; Juliana de Moura; Carolayne Mabel Victor da Cunha

Orienrador: Carlos Antônio Barros e Silva Júnior.

11. ANÁLISE DE NOVAS METODOLOGIAS DO ENSINO DE CIÊNCIAS NA ESCOLA MUNICIPAL FRANCISCO SOARES DA COSTA, LOCALIZADA NA COMUNIDADE DE PEDRINHAS, NO MUNICÍPIO DE IPANGUAÇU / RN

Autores: Jonalison dos Santos Nogueira; Débora Daiane da Silva; João Victor Lima do Nascimento; Alexsandro Fernandes de Souza Sobrinho.

Orientador: Luciana Real Limeira

12. PIBID NA PRÁTICA DA MONITORIA NO ENSINO DE QUÍMICA COMO AGENTE AUXILIADOR NO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM

Autores: Carolayne Mabel Victor da cunha; Sabrina Mirelly de Souto Lopes; Tatiane Fonseca de Melo.

Orientador: Carlos Antônio Barros e Silva Júnior.

13. PROTAGONISMO ESTUDANTIL NO ENSINO MÉDIO: VOCÊ ENTENDE DE LEIS EDUCACIONAIS?

Autores: Diogo Yuri de Almeida; Juliana de Moura; Breno Trajano de Almeida;

Orientador: Louize Gabriela Silva Souza.

14. O PIBID E O INCENTIVO AO INGRESSO EM LICENCIATURA EM QUÍMICA NO IFRN - CAMPUS IPANGUAÇU

Autores: Roberto Marques Rodrigues; Joyce Inácia de oliveira; Marcio dos Santos e Silva; Carlos Antônio Barros e Silva Júnior

Orientador: Monalisa Porto Araújo.


15. UTILIZAÇÃO DE MATERIAIS ALTERNATIVOS PARA O ENSINO DE CINÉTICA QUÍMICA: UMA AÇÃO DO PIBID COM OS ALUNOS DA REDE ESTADUAL EM IPANGUAÇU / RN
Autores: Alexsandro Fernandes de Souza Sobrinho; Tatiane Fosenca de Melo; João Victor Lima do Nascimento.
Orientador: Carlos Antônio Barros Silva e Junior

16. JOGO DE CARTAS COMO RECURSO DIDÁTICO NO ENSINO DE QUÍMICA: APRENDENDO SOBRE AS LIGAÇÕES QUÍMICAS

Autores: Carolayne Mabel Victor Da Cunha, Lucas Cabral Rocha, Tatiane Fonseca de Melo, Sabrina Mirelly de Souto Lopes

Orientador: Carlos Antônio Barros e Silva Junior

17. DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM DOS ALUNOS DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS NA DISCIPLINA DE QUÍMICA: QUAIS SÃO OS MOTIVOS QUE OS LEVAM A TAIS BARREIRAS?

Autores: Manoel Messias Lemos da Silva; Edgar José da Silva Melo.

Orientador: Breno Trajano de Almeida

18. UTILIZAÇÃO DO JOGO "PERGUNTADOS", ATRAVÉS DO PIBID, COMO FERRAMENTA PARA O ENSINO E APRENDIZAGEM DE QUÍMICA NA ESCOLA ESTADUAL JOÃO MANOEL PESSOA, NA CIDADE DE ITAJÁ – RN

Autores: Edgar José da Silva Melo; Manoel Messias Lemos da Silva; Débora Daiane da Silva; Jéssica Nicolle Matias

Orientado por: Carlos Antônio Barros e Silva Júnior

19.  DIFICULDADES APRESENTADAS NO ENSINO DE QUÍMICA NA ESCOLA ESTADUAL JOÃO MANOEL PESSOA NA CIDADE DE ITAJÁ/RN: UMA ANÁLISE A PARTIR DE DUAS METODOLOGIAS DISTINTAS

Autores: Maria Jaqueline Pereira Lourenço, Manoel Messias Lemos Da Silva

Orientadora: Luciana Real Limeira

20. A INFLUÊNCIA PEDAGÓGICA DE MOSTRA CIENTÍFICA NO ENSINO DE QUÍMICA: UMA AÇÃO DO PIBID NA ESCOLA ESTADUAL MANOEL DE MELO MONTENEGRO EM IPANGUAÇU/RN

Autores: Tatiane Fonseca de Melo, Eliane Bruna Bezerra da Silva, Marlene Gabriele Cavalcante da Sila

Orientador: Carlos Antônio Barros e Silva Júnior

21. A  IMPORTÂNCIA DA MONITORIA PRA O ENSINO APRENDIZAGEM NO ENSINO DE QUÍMICA

Autores: Cassia Maria Lourenço de França, Alessandra Maria Lourenço de França

Orientador: Carlos Antônio Barros e Silva Júnior.

22. OFICINA DE SAPONIFICAÇÃO COMO FERRAMENTA DIDATICA NO ESTUDO DA QUÍMICA: UMA AÇÃO DO PIBID NA ESCOLA JK DE ASSÚ/ RN

Autores: Lucas Cabral Rocha, Jerre Adriano da Silva Junior, Carolayne Mabel Victor da Cunha, Sabrina Mirelly de Souto Lopes)

Orientador: Carlos Antonio Barros e Silva Junior

23. A COZINHA COMO LABORATÓRIO ALTERNATIVO PARA O ENSINO-APRENDIZAGRM DE QUÍMICA NA ESCOLA PÚBLICA DE ENSINO MÉDIO DA CIDADE DE ITAJÁ/RN

Autores: Maria Erivania Cunha; Caroliny de Araújo Azevedo).

Orientadora: Luciana Real Limeira.

24. O USO DE SITUAÇÃO-PROBLEMA COMO METODOLOGIA PARA O ENSINO DO MODELO ATÔMICO DE BOHR

Autores: Eliane Bruna Bezerra da Silva; Lucas Cabral Rocha, Lucas Bandeira de Lucena

Orientador: Marcus Luiz dos Santos Menezes

25. TEATRO NO ENSINO DE QUÍMICA: INTEGRANDO AS TIPOLOGIAS DE CONTEÚDOS EM SALA DE AULA

Autores: Alessandra Maria Lourenço de França, Cassia Maria Lourenço de França, Carlos Antônio Barros e Silva Júnior

Orientadora: Monalisa Porto Araújo.

26. O ENSINO DE QUÍMICA NA EDUCAÇÃO DO CAMPO: RELAÇÃO ENTRE OS SABERES LOCAIS E O CONHECIMENTO ESCOLAR NA COMUNIDADE DE PATAXÓ – IPANGUAÇU/RN

Autores: Vanderlania Dantas Ricardo, Jaciária de Medeiros Morais

Orientadora: Monalisa Porto Araújo.

27. ATIVIDADE LÚDICA PARA O DESENVOLVIMENTO DOS ALUNOS DO ENSINO MÉDIO DA ESCOLA ESTADUAL JOÃO MANOEL PESSOA NA CIDADE DE ITAJÁ-RN

Autores: Lucas Bandeira de Lucena, Kamila da Silva Costa, Maria Jaqueline Pereira Lourenço, Jéssica Nicolle Rodrigues Matias.

Orientador: Carlos Antônio Barros e Silva Júnior.

Ações do documento

Página em carregamento