Você está aqui: Página Inicial / Campi / Ceará-Mirim / Notícias / Aluno do curso Programação de Jogos Digitais representa o Campus Ceará-Mirim nas finais de Olimpíadas de Informática
DESTAQUE

Aluno do curso Programação de Jogos Digitais representa o Campus Ceará-Mirim nas finais de Olimpíadas de Informática

09/10/2019 - Aluno disputa as finais da Olimpíada Regional e da Olimpíada Brasileira de Informática.

Aluno do curso Programação de Jogos Digitais representa o Campus Ceará-Mirim nas finais de Olimpíadas de Informática

O aluno do 2º ano do curso Programação de Jogos Digitais, Felipe Caridade Fernandes, representou o Campus Ceará-Mirim nas finais de duas Olimpíadas de Informática. No dia 21 de setembro de 2019, ocorreu a 3º e última fase (nacional) da Olimpíada Brasileira de Informática, cuja sede foi em Natal/RN, no Instituto Metrópole Digital (IMD), e o aluno estava competindo com outros estudantes de todo o Brasil. Já a fase final da Olimpíada Regional de Informática (ORI), que contava com estudantes da Paraíba e do Rio Grande do Norte, ocorreu no próprio Campus, no último dia 5 de outubro. Em ambas os casos, os alunos precisam implementar soluções para problemas propostas, que são enviadas para a organização central através da Internet.

Em ambas as competições, o aluno estava orientado pelo professor Adorilson Bezerra, que tem desenvolvido esse trabalho de treinamento e orientação para essas competições há alguns anos, e que já convida os alunos interessados a participar dessas competições nos próximos anos que o procurem e integrem-se à equipe de programação competitiva do campus.

Para Felipe, as competições são importantes não só pelo conhecimento adquirido, mas pela visibilidade que dão ao competidor e a instituição de ensino que ele representa. "Você acaba se destacando no meio das outras pessoas, porque é uma prova que exige muito da gente e se a gente consegue se destacar as empresas que acompanham essas competições se interessam pelos alunos como futuros profissionais e pelas instituições. Pelos alunos, eles se interessam pela capacidade de resolver problemas do dia a dia, já que a programação não é só escrever códigos no computador, e sim, você usar o seu raciocínio lógico ao máximo para conseguir resolver problemas, e pelas instituições como celeiro de novos talentos", disse.


Sobre a OBI:

A Olimpíada Brasileira de Informática (OBI) é uma competição organizada nos moldes das outras olimpíadas científicas brasileiras, como Matemática, Física e Astronomia. O objetivo da OBI é despertar nos alunos o interesse por uma ciência importante na formação básica hoje em dia (no caso, ciência da computação), através de uma atividade que envolve desafio, engenhosidade e uma saudável dose de competição. A organização da OBI está cargo do Instituto de Computação da UNICAMP e a Sociedade Brasileira de Computação (SBC)


Sobre a ORI:

O objetivo da Olimpíada Regional de Informática (ORI) é despertar nos alunos o interesse por uma ciência importante na formação básica hoje em dia (no caso, ciência da computação), através de uma atividade que envolve desafio, engenhosidade e uma saudável dose de competição. A organização da ORI está cargo do LACED no Instituto Federal da Paraíba - Campus Guarabira.

Ações do documento

Página em carregamento