Você está aqui: Página Inicial / Campi / Pau dos Ferros / Notícias / Professor do Campus Pau dos Ferros é aprovado para pós-doutorado em Portugal
PESQUISA

Professor do Campus Pau dos Ferros é aprovado para pós-doutorado em Portugal

14/06/2017 - Resultados da pesquisa poderão colaborar para a produção do vinho no Alto Oeste potiguar

Professor do Campus Pau dos Ferros é  aprovado para pós-doutorado em Portugal

Dr. Emanuel embarca ainda em junho a Porgual, onde desenvolverá pesquisa avançada envolvendo vinho madeira

O Professor do Campus Pau dos Ferros do IFRN, Dr. Emanuel Neto Alves de Oliveira, da área de Tecnologia em Alimentos, foi aprovado para um pós-doutorado ofertado a partir de processo seletivo promovido pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, a Capes.


O pós-doutorado será realizado na Universidade e Coimbra, com estudos também na Universidade da Madeira, na Ilha de Madeira, em Portugal.  A pesquisa envolverá o “Monitoramento e caracterização físico-química e sensorial de vinhos madeira submetidos ao processo de envelhecimento por estufagem em barris de carvalho”.


A aprovação se deu através se seleção regida pelo edital nº 15/2016, da Capes, que fomenta o Programa de Pós-Doutorado no Exterior, que visa oferecer bolsa para a realização de estudos avançados fora do Brasil posteriores à obtenção do título de Doutor.


O Professor comemora a aprovação e já vislumbra aplicações de resultados do projeto: “O objetivo final da pesquisa é implantar os resultados na Região do São Francisco, grande produtor de vinho aqui do Nordeste e, também, quem sabe, na região das serras do Alto Oeste potiguar, caso tenhamos algum empresário interessado no conhecimento e nas tecnologias que o pós-doutorado vai proporcionar”, detalha Emanuel.


O pesquisador enxerga o Alto Oeste como uma possibilidade de cultura da uva e produção do vinho. “A região do Alto Oeste é rica. Basta ser explorada, pois nós temos condições de ter produção de vinho. Além do clima serrano, temos também o solo favorável para o cultivo da uva. Basta incentivo e tecnologia, pois não adianta ter terras, dinheiro para investir e não ter o conhecimento e tecnologias para isso”, frisa.

O PROGRAMA DE PÓS-DOUTORADO DA CAPES

Um dos objetivos do programa é promover a internacionalização de forma mais consistente, aprimorando a produção e qualificação científicas em atividade avançada de pesquisa no desenvolvimento de métodos e trabalhos teóricos-empíricos em parceria com pesquisadores estrangeiros e instituições de reconhecido mérito científico;

Ações do documento

Página em carregamento