Você está aqui: Página Inicial / Campi / Natal - Cidade Alta / Notícias / Pró-Reitoria de Ensino publica orientação normativa a professores
Covid-19

Pró-Reitoria de Ensino publica orientação normativa a professores

31/03/2020 - Documento estabelece as diretrizes sobre realização de atividades e registro de frequência

Pró-Reitoria de Ensino publica orientação normativa a professores

A  Pró-Reitoria de Ensino do IFRN publicou, na última sexta-feira (27), a Orientação Normativa (ON) 1/2020. O documento é referente ao registro de frequência e a realização das atividades remotas pelos professores do Instituto, considerando a suspensão do calendários acadêmico.

A suspensão dos calendários, explicitada na Portaria 547/2020, tem como exceção o do Campus Natal-Zona Leste. O Campus é responsável pela oferta dos cursos a distância da Instituição. A ON 1/2020-Proen/IFRN determina que as atividades realizadas no período de distanciamento social, em razão da pandemia de Covid-19, não serão consideradas para fins de contabilização de dias letivos dos calendários acadêmicos suspensos.

As atividades têm como objetivo principal a manutenção e o fortalecimento do vínculo dos estudantes com o Instituto Federal, bem como a continuidade da rotina de estudos e/ou a retomada e o aprofundamento de discussões em torno dos conteúdos das disciplinas. Fica facultada a participação dos estudantes nas referidas atividades, haja vista que nem todos possuem acesso a equipamentos e internet em suas residências, como explicado em informativo sobre a suspensão dos calendários.

A ON faz uma lista das possíveis atividades a serem desenvolvidas pelos professores, como produção de materiais didáticos digitais, disponibilização de conteúdos digitais, elaboração de programas e projetos de ensino, elaboração de publicação acadêmica e participação em reuniões online, entre outras. 

REGISTRO DE ATIVIDADES E DE FREQUÊNCIA  

O registro das atividades realizadas pelos professores durante a vigência da Portaria nº. 547/2020-RE/IFRN deve ser feito no Relatório Individual de Trabalho (RIT). Fica dispensado, no período que perdurar o presente regime de excepcionalidade, o controle de frequência biométrico. O registro da frequência deve ser feito no SUAP, na área de “Frequências por funcionário”, por meio do preenchimento do campo “Adicionar observação”. Neste espaço, os professores devem registrar um resumo objetivo das atividades desempenhadas.

Ações do documento

Página em carregamento