Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Sociedade civil discute o Plano Nacional de Educação
Mobilização

Sociedade civil discute o Plano Nacional de Educação

03/05/2013 - Primeiro encontro aconteceu hoje (3), na Conferência Municipal de Educação de Natal

Sociedade civil discute o Plano Nacional de Educação

Sociedade civil e profissionais de educação se reuniram hoje (3) para debater o Plano Nacional de Educação

Profissionais da educação, gestores, alunos, pais e responsáveis, além de movimentos sociais organizados, reuniram-se na manhã de hoje (3) para participar da Conferência Municipal de Educação de Natal (COMEN), que vai culminar na Conferência Nacional de Educação (CONAE), prevista para o período de 17 a 21 de fevereiro de 2014, em Brasília. Entre elas acontecem as Conferências Intermunicipais (COIME) e ainda a Estadual.

O objetivo principal das conferências é  discutir e sugerir propostas ao Plano Nacional de Educação (PNE). O documento define as principais políticas relacionadas à educação por um período de 10 anos e está em tramitação no Congresso Nacional. Cada conferência escolhe delegados para as discussões que serão levantadas na reunião seguinte. 

Nas conferências, são discutidos pontos sobre a educação básica, profissional e superior. A pedagoga do IFRN Fátima Feitosa, representante da educação profissional, comentou sobre a oportunidade para se fortalecer a identidade da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica. "É uma forma de buscarmos mais oportunidades para que nossos alunos ingressem no mercado de trabalho a partir dos títulos que obtêm, como os cursos tecnólogos", destacou Fátima. 

Durante o encontro de hoje (3), a professora Márcia Gurgel, diretora do Centro de Educação da UFRN, falou sobre a necessidade de mobilizar a sociedade civil para a aprovação do PNE. "Precisamos ampliar a concepção de educação que temos para que seja um direito de toda sociedade, defendida por todos", pontuou Márcia.

A CONAE 2014 terá como tema "O Plano Nacional de Educação (PNE) na Articulação do Sistema Nacional de Educação: Participação Popular, Cooperação Federativa e Regime de Colaboração". É possível saber detalhes sobre os temas de discussão acessando o documento base na página do MEC. 

A CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE NATAL  

O encontro de hoje (3) aconteceu no Centro Municipal de Referência em Educação (Cemure) e contou com a presença dos envolvidos com as instituições de ensino da capital potiguar. Uma mesa formada pela secretária de Educação de Natal, Justina Iva; pela representante do Fórum Estadual de Educação, Márcia Gurgel; pela representante dos professores e dos sindicatos dos trabalhadores em educação, Fátima Cardoso; pelo representante dos pais, Valério Bezerra, e pelo representante dos alunos, Gabriel Menezes, abriu as discussões do dia.

Gabriel, aluno do 4º ano do curso técnico integrado em Controle Ambiental do IFRN e do 1º período em Direito da UFRN, falou sobre a importância histórica do momento como marco da participação popular. "Quem iria imaginar há 15 anos, 20 anos estarmos aqui para falar sobre as políticas de educação. Esse espaço deveria ser cada vez mais ocupado pelos estudantes".

Na Conferência de Natal foi instalado o processo de institucionalização do Fórum Municipal de Educação e apresentada a palestra "O Plano Nacional de Educação e o Sistema Nacional de Educação: organização e regulação", um dos eixos temáticos das conferências, por Chagas Fernandes, coordenador do Fórum Nacional de Educação.

Dias 27 e 28 de agosto, no Hotel Pirâmide, em Natal, acontece a Conferência Estadual de Educação. Até lá, 18 conferências serão realizadas, entre várias cidades do Rio Grande do Norte, para a escolha os delegados que vão debater as propostas ao PNE na Conferência Estadual. 

Acesse mais informações:

Fórum Nacional de Educação

Fórum Estadual de Educação

Ações do documento

Página em carregamento