Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Seminário defende articulação para planejamento da expansão
Ensino superior e tecnológico

Seminário defende articulação para planejamento da expansão

10/12/2012 - Evento contou com a presença de reitores e do secretário de Educação Superior do MEC

Seminário defende articulação para planejamento da expansão

Seminário sobre expansão do ensino superior e tecnológico, no IFRN Cidade Alta.

A “Expansão da Educação Profissional Tecnológica e do Ensino Superior no RN” foi tema de seminário que aconteceu na manhã de hoje (10), no auditório do IFRN, Câmpus Natal-Cidade Alta. 

O evento foi promovido pela Comissão de Educação e Cultura da Câmara dos Deputados. À mesa de abertura, estavam presentes os reitores das instituições públicas de ensino superior e tecnológico do Rio Grande do Norte (IFRN, UFRN, UFERSA e UERN); Maria Bernardete Cordeiro, representante da governadora do estado, e José Amaro Lins, secretário de Ensino Superior do MEC.

A necessidade de articulação entre as instituições que ofertam ensino superior e tecnológico no RN marcou as falas tanto dos reitores quanto do secretário. Segundo eles, é preciso debater os projetos de expansão em conjunto para que seja possível obter uma melhor distribuição das áreas atendidas e dos cursos ofertados.

A deputada federal Fátima Bezerra abriu o Seminário falando sobre a importância dos últimos dez anos para a expansão das instituições de ensino superior e tecnológico. Em seguida, falaram representantes dos sindicatos dos servidores das instituições envolvidas, pontuando a importância da expansão e a necessidade de se discutir pontos que podem ser melhorados.

Foi formada uma mesa-redonda com a participação dos reitores das instituições, do secretário José Amaro Lins e da deputada Fátima Bezerra. Milton Marques de Oliveira; José de Arimatea de Matos; Belchior de Oliveira Rocha e Ângela Maria Paiva – reitores da UERN; UFERSA; IFRN e UFRN, respectivamente – fizeram apresentações sobre suas instituições, destacando a contribuição dos programas de expansão do ensino superior e tecnológico para aumento de unidades de ensino, alunos e quadro de servidores. “O que todos aqui queremos é uma educação melhor, uma educação de qualidade e com acesso democrático”, destacou Belchior Rocha.

O secretário de Ensino Superior do MEC apresentou dados gerais sobre a expansão no Brasil. Segundo Amaro, “o RN foi o estado que melhor soube aproveitar os programas de expansão”. Ele comentou também sobre o Plano de Nacional de Educação, que está em tramitação no Congresso. De acordo com o secretário, as principais metas pontuadas no documento são elevar a taxa de matrículas no ensino superior, ampliar a atuação de mestres e doutores nas instituições e destinar 10% do PIB (produto Interno Bruto), no prazo máximo de 10 anos, para a educação.

Durante o evento, foi formalizada pela deputada Fátima Bezerra a entrega de uma proposta de continuação da expansão da Rede Federal no Rio Grande do Norte ao secretário Amaro Lins.

 

Ações do documento

Página em carregamento