Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Mostra de Extensão destaca projetos que aproximam mais IFRN e comunidade
SECITEX 2019

Mostra de Extensão destaca projetos que aproximam mais IFRN e comunidade

18/10/2019 - Trabalhos apontam soluções inovadoras para melhorar a vida de crianças, jovens e idosos

Mostra de Extensão destaca projetos que aproximam mais IFRN e comunidade

Samira, do Campus Lajes, é uma das autoras de projeto que usa o cinema para estimular o debate e a reflexão de idosos sobre temas da Terceira Idade

Por Neiryvan Maciel, Campus Natal-Zona Norte

O último dia de apresentações da Mostra de Extensão, nesta quinta-feira (17), trouxe à Estação das Artes, em Mossoró/RN, grupos de todo o Instituto Federal do Rio Grande do Norte que desenvolvem projetos de ação social e aqueles relacionados a arte, cultura e esporte, aproximando a Instituição das comunidades locais nas regiões atendidas pelos seus campi.

 

Cinema, debate e Terceira Idade

Um grupo de idosos de Lajes, município localizado na região central do estado, é um dos públicos que tem recebido atenção especial de projetos e ações de extensão do IFRN. Na cidade, pessoas da chamada Melhor Idade agora têm a oportunidade de assistir a filmes e participar de rodas de debate sobre os temas das produções cinematográficas no Cineclube Itaretama, projeto realizado pelos alunos Samira Araújo, Maria Beatriz Nóbrega e Abdiel Lima, do Campus Avançado Lajes. "Promovemos também palestras e oficinas de cunho artístico e produção literária para estimulá-los a refletir e discutir sobre as temáticas dos filmes", esclareceu Samira.

Na visão da estudante, é importante discutir o envelhecimento populacional e a prática de atividades saudáveis voltadas aos idosos. "Queremos ajudá-los a envelhecer de forma ativa através do uso de ferramentas audiovisuais, que vão contribuir para transformar não só sua mentalidade e comportamento, mas também das pessoas que lidam com eles diariamente", completou.

 

Letramento digital para crianças em situação de vulnerabilidade social

Crianças e adolescentes também são alvos da política de extensão do IFRN, principalmente quando o assunto é inclusão digital. Nesse sentido, Mirlayne Lopes, aluna de Informática do Campus Canguaretama, destacou que o projeto de extensão "Informatização Social", do qual é uma das autoras, já favorece a inclusão social de crianças e adolescentes de nível fundamental em condição de vulnerabilidade social de municípios como Canguaretama, Goianinha e São José do Mipibu por meio de um curso de letramento digital. Neste ano, o projeto, que existe desde 2015, resultado de uma parceria entre os campi Canguaretama e Natal-Zona Norte, já beneficiou cerca de 100 crianças.

"Funciona assim: inicialmente, um grupo de estudantes do Campus Canguaretama recebe treinamento de alunos do Curso de Licenciatura em Informática do Campus Zona Norte para atuar na manutenção corretiva e preventiva de computadores em laboratórios de informática. Após a capacitação, os participantes do projeto são divididos em equipes e direcionados a escolas públicas interessadas em firmar parceria com o IFRN. E, finalmente, nas unidades de ensino, os alunos do Instituto ficam responsáveis por ministrar o curso de letramento digital a um grupo de alunos dessas escolas, multiplicando o conhecimento", explicou Mirlayne. O projeto multicampi recebe orientação de dois professores: Helber Wagner da Silva, no Campus Canguaretama, e Keila Cruz, no Campus Natal-Zona Norte.

 

Encerramento e premiação

Os melhores trabalhos por área da Mostra de Extensão, um dos eventos do VII Simpósio de Extensão, serão conhecidos na cerimônia de encerramento e premiação da Semana de Ciência, Tecnologia e Extensão do IFRN (Secitex), que acontece nesta sexta, 19, a partir das 15h, no Teatro Municipal Dix-Huit Rosado, com entrada franca.

Ações do documento

Página em carregamento