Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Projeto Ecolabora marca presença na Cientec 2018
Jogos Educativos

Projeto Ecolabora marca presença na Cientec 2018

03/07/2018 - O trabalho une sustentabilidade, ensino e gameficação

Projeto Ecolabora marca presença na Cientec 2018

Voluntários e bolsistas no estande do projeto/ foto: Sthefanny Ariane ag. FOTEC

O Ecolabora é um projeto de extensão cujo principal objetivo é transformar materiais recicláveis em jogos para crianças aprenderem brincando. São feitas visitas à escola CAIC em Santa Cruz para trabalhar didáticas e promover a temática da sustentabilidade. Os materiais utilizados na montagem dos jogos educativos variam de tampa de garrafa, caixa de ovo, papelão, garrafa pet, a rolo de papel. Atualmente o projeto conta com cerca de 26 participantes entre bolsistas e voluntários.

Surgindo de uma ideia de reciclar cadernos da professora do Instituto, Mylenna Vieira, o projeto ganhou impulso e se expandiu um ano depois sob a direção da atual coordenadora Laysi Araújo, que decidiu trabalhar com jogos e aumentar a quantidade de voluntários. Tudo em parceria com os professores da escola, em busca de uma didática mais lúdica.

Este ano, os voluntários do Ecolabora fizeram sua primeira participação e visita à Mostra de Ciência, Tecnologia e Cultura (Cientec), que ocorreu na UFRN entre os dias 28 a 30 de julho. Na mostra, que convida a comunidade e estudantes a trocarem conhecimentos, os estudantes do IFRN apresentaram no estande 160 do pavilhão 1 o seu projeto.

Experiência

Eyshila Farias, 16 anos, aluna do curso técnico integrado em mecânica, e Inácio Lucas, 17, aluno de Informática, sendo bolsista e voluntário respectivamente, afirmaram que a experiência surpreendeu em diversos aspectos. “Eu não imaginava que era tão grande e ia ter vários projetos que eu identificasse tanto com que participo. Está sendo maravilhoso e gratificante participar”, disse Eyshila. Já Inácio afirmou estar satisfeito com a participação na Cientec e com que foi conhecido a partir disso.

A estudante de 18 anos, Sabrina Júlia, que já está em seu segundo ano de projeto, conta sobre a importância ser parte de tudo que vem sendo conquistado. “Comecei a ter uma outra noção sobre o lixo, educação e com certeza você começa a ver que é mais gratificante ajudar pessoas que não tem oportunidades como você tem”, disse Sabrina. 

As expectativas futuras são para expandir para outras escolas, como a João de Dula em Santa Cruz. Quem tiver interesse em saber mais ou participar do Ecolabora pode estar procurando divulgação em cartazes no Campus da cidade, e entrando em contato com a equipe como consta nos detalhes da divulgação, ou acessando o Instagram do projeto.

Ações do documento

Tags: , , ,
Página em carregamento