Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / IFRN recebe visita de dirigentes do Partido Social Liberal
relações institucionais

IFRN recebe visita de dirigentes do Partido Social Liberal

31/01/2019 - O encontro foi articulado pelo professor Ricardo Valentim, responsável pelo Lais

IFRN recebe visita de dirigentes do Partido Social Liberal

Wyllys Tabosa, reitor do IFRN, conduziu a apresentação de projetos aos visitantes

Na manhã desta quarta, 30, membros da gestão da Reitoria do IFRN receberam, na Sala de Atos, a visita do coronel da reserva aviador Hélio Oliveira e do general Araújo Lima. O encontro foi articulado pelo professor Ricardo Valentim, responsável pelo Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (Lais), mantido pela UFRN. O Laboratório mantém parceria com o IFRN através do Núcleo Avançando de Inovação Tecnológica (Navi), localizado no Campus Natal-Central.

Araújo é coordenador-geral e Oliveira é presidente do Partido Social Liberal (PSL) e buscaram o professor Valentim e o Instituto com a intenção de conhecer melhor os projetos desenvolvidos e estreitar as relações institucionais.

Parceria

Segundo o general Araújo Lima, essa visita é o primeiro passo, “um instrumento de ligação com o governo federal”. Já o coronel Hélio Oliveira afirmou que o intuito é contribuir da melhor forma possível para que a educação seja sempre meio de transformação: “buscamos a aproximação institucional estratégica”, disse. Presente à reunião, Agamenon Tavares, pró-reitor de Ensino do Instituto deu-lhes as boas-vindas: “acolhemos todos os que vêm para somar no fazer educacional”, declarou.

Projetos

Na sequência, Wyllys Tabosa, reitor do IFRN, conduziu a apresentação de projetos aos visitantes. Na oportunidade, deu-se destaque ao Mulheres Mil, ao Centro de Tecnologia (CT) Mineral e ao Suap. Após a exibição do filme institucional, o reitor abriu a reunião para questionamentos. Araújo Lima mostrou-se interessado sobre a área do Ensino. Perguntando sobre os estudantes egressos da instituição, o general mostrou-se satisfeito ao saber que 47% dos alunos acabam por fixar-se na região onde estudam. Outro destaque da reunião foi a participação da Fundação de Apoio à Educação e ao Desenvolvimento Tecnológico do RN (Funcern).

Ações do documento

Página em carregamento