Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Atletas falam sobre participação nos jogos
JIFs 2018 - Etapa Nordeste

Atletas falam sobre participação nos jogos

05/09/2018 - Estudantes enaltecem a recepção e estrutura dos Jogos no IFRN

Atletas falam sobre participação nos jogos

Pelo IFBA, Fernando e Renan estão nas disputas do Judô.

Fernando treina de segunda a sábado duas vezes por dia, equilibrando seu horário de treinamento com os estudos no Instituto Federal da Bahia (IFBA): pela manhã treino físico, à tarde aula e a noite o treino mais voltado para sua modalidade, o judô. Renan, seu colega de instituto e modalidade, é um entusiasta do esporte, também chamado "caminho suave". "Comecei a me interessar pelo Judô através de meu padrasto, que me levou para assistir uma luta, e desde então sou apaixonado pelo esporte", contou o jovem, que veio de Campus Simões (próximo a Salvador). 

Delegações

Os estudantes integram uma das nove delegações que viajaram a Natal para participar da Etapa Regional dos JIf's. A equipe do IFBA percorreu cerca de 1.600 km para marcar presença no evento. Foram dois dias de viagem, em quatro ônibus, com cerca de 220 pessoas, dentre alunos e servidores. 

Renan e Fernando estão entre os 1,3 mil atletas que compõem o quadro de participantes dos Jogos dos Institutos Federais do Nordeste (JIF’s), realizados em 2018 pelo IFRN e que acontecem até o próximo sábado, 8/9. "Sei que essa é uma experiência enriquecedora, que a recepção está sendo ótima e a expectativa está muito grande. Sei também que estou ansioso pra lutar e conhecer tudo”, desabafou. O aluno, que está participando dos Jogos pela segunda vez, contou ainda que a cerimônia de abertura o surpreendeu positivamente: “a abertura foi show, a interação nesses dias de competições já está forte e a gente percebe isso. O pessoal é muito alegre e receptivo”.

Renan, por sua vez, reforçou a relevância de eventos como o JIF’s para quebrar a rotina de estudos e promover a prática de esportes: “A importância dos jogos, além da interação, é a difusão do esporte como mudança do contexto na escola”, disse. “Isso nos dá uma força a mais pra estudar e treinar, colocando sua vida em ordem a partir do esporte, que é algo capaz de transformar a vida das pessoas”.

Meninas do vôlei

A carga de treino de Thayna, Roberta e Mariana, atletas do vôlei, que vieram do Campus João Pessoa do IFPB, também não é leve: “A gente treina toda semana, duas vezes por semana, duas horas por treino”, disse Thayna, que veio com outros 100 participantes, entre atletas, professores e equipe de apoio. A aluna, de 18 anos, acredita que oportunidades como os JIF’s são responsabilidades que se adquirem, dando maturidade em relação à saúde e caráter, e fazem “mudar sua cabeça”.

Pensamento parecido tem Roberta, colega de time de Thayna. A atleta considera os jogos como grandes incentivos e destaca: “é importante saber que estamos treinando para buscar um resultado. Espero ganhar e conseguir aproveitar tudo, ganhar experiência de jogo e experiência como atleta em si”. Mariana ainda falou sobre a apreensão pré-JIF’s: “Desde antes da gente viajar, já falavam muito bem do IFRN. É a minha primeira vez aqui, e eu vi que tudo bateu. É muito estruturado e as pessoas são muito amigáveis. A troca de experiência teve um preparo. Tentaram colocar um certo medo, falando que ia ter gente melhor que nós, mas não estamos sentindo tanta diferença, estamos preparadas aqui para concorrer forte pela nossa colocação”.

Organização e estrutura

“A organização não deixa a desejar quanto a nenhum evento que tenhamos participado”, comentou o técnico de judô da delegação cearense, o professor Sálvio Santos. “O nível aqui do Nordeste está muito alto”, completou, com surpresa, a judoca Larissa Viana, que espera que o JIF’s contribuam para a sua participação na Etapa Nacional dos jogos, agendadas para outubro, em Fortaleza. A integração entre alunos e atletas de estados diferentes é um ponto forte dos jogos é um destaque para a competição para Maria Clara Lemos, atleta de vôlei da delegação de Alagoas: “A competitividade está saudável, as pessoas estão sabendo ser competitivas dentro de quadra e amigos fora, nós até torcemos uns pelos outros”.  

A programação dos jogos se estende até este sábado (8). 

Acesse

Página do evento - Aqui você encontra resultados, horários das competições e outros detalhes sobre os Jogos

Flickr - Fotos da abertura e das competições

Ações do documento

Página em carregamento