Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / IFRN realiza oficina com realizadores da Agricultura Familiar
Atividades Estudantis

IFRN realiza oficina com realizadores da Agricultura Familiar

21/03/2019 - Ação aconteceu entre 18 e 20 de março, nos campi Ceará-Mirim, Mossoró e São Paulo do Potengi

IFRN realiza oficina com realizadores da Agricultura Familiar

Os campi Ceará-Mirim, Mossoró e São Paulo do Potengi receberam a oficina

A Diretoria de Gestão de Atividades Estudantis (Digae) do IFRN e o Grupo de Trabalho e Estudos em Nutrição (GT Nutrição) realizaram o evento Do campo à escola: II Oficina do IFRN com a Agricultura Familiar entre os dias 18 e 20 de março nos campi Ceará-Mirim, Mossoró e São Paulo do Potengi. As oficinas tiveram como objetivo a articulação entre os atores sociais envolvidos no processo de aquisição de alimentos da agricultura familiar para a alimentação escolar do IFRN. 

A segunda edição do evento contou com aproximadamente 60 participantes dos diversos municípios do Rio Grande do Norte, incluindo agricultores familiares, representantes de cooperativas, associações e sindicatos da agricultura familiar, servidores do governo do estado e de entidades de assistência técnica, estudantes, além dos nutricionistas, técnicos administrativos e docentes do Instituto.

Segundo Odisseia Gaspareto, diretora na Digae, durante as oficinas foi possível discutir os principais desafios encontrados pelos agricultores para a comercialização dos seus produtos para a alimentação escolar, assim como as possíveis soluções para o enfrentamento das dificuldades e como o IFRN poderia contribuir. "Ainda houve momentos de apresentação dos produtos produzidos pelos agricultores, assim como de esclarecimentos sobre o processo de Chamada Pública do IFRN", disse.

"O evento foi bastante enriquecedor e é fundamental para a boa execução do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) e do Programa de Aquisição de Alimentos - modalidade Compra Institucional (PAA-CI) no IFRN. Com a compra da agricultura familiar, os campi podem adquirir produtos frescos e saudáveis, respeitando a cultura e a vocação agrícola da região. Espera-se que nas próximas edições haja uma participação ainda maior das representações da agricultura familiar e da comunidade escolar do IFRN", conta Maria Eduarda Andrade, nutricionista da Assessoria de Assistência ao Estudante (ASAES) da Instituição.

Ações do documento

Página em carregamento