Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / IFRN está entre os Institutos Federais de melhor desempenho

IFRN está entre os Institutos Federais de melhor desempenho

12/09/2011 - No Estado, quatro campi estão entre os dez primeiros colocados

O IFRN, mais uma vez, está entre os Institutos Federais com melhor performance no Exame Nacional do Ensino Médio – o Enem.  Ele ficou em 2º lugar no nordeste, atrás apenas do IFBA e em 6º lugar entre os 38 institutos de todo o País.  No Rio Grande do Norte a Instituição teve quatro campi entre os dez primeiros colocados: Mossoró, Natal-Central, Currais Novos e Natal-Zona Norte. A maior nota do IFRN - 679,74 –  ficou atrás apenas do Colégio Cei, de Natal.

“Na verdade, não fazemos questão de participar de nenhum ranking e, nesse caso, é muito difícil se comparar a performance entre as escolas. Isto por causa da forma como foram apresentados os resultados.  O IFRN ficou na faixa entre 25% e 50 % de participação, em função de terem sido considerados alunos do 3º e 4º anos.

Já outras instituições de ensino que têm alunos até o 3º ano ficaram nas faixas superiores.  Vale ressaltar que considerando apenas os alunos do 4º ano tivemos uma participação dos 79% dos nossos concluintes, que significa, em termos absolutos, 640 alunos – mais do que qualquer outra escola aqui do Estado.  Por isso, considero  nossa média excepcionalmente boa”, avaliou a pró-reitora de Ensino da Instituição, Anna Catharina Dantas. Segundo a pró-reitora, a média ponderada das notas obtidas pelos quatro campi que ficaram entre as 10 instituições com melhor desempenho foi de 662,15 – bem acima da média nacional, que foi 537.

O reitor do IFRN, Belchior de Oliveira Rocha disse estar “feliz” com os resultados obtidos pelos alunos e os parabenizou pelo empenho nos estudos.  “Mas além dos alunos a gente não pode deixar de reconhecer o trabalho dos professores e dos técnicos administrativos que, com o seu trabalho e dedicação, tornaram mais esta vitória possível”, concluiu.

Ações do documento

Tags:
Página em carregamento