Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / IFRN debate Avaliação Global dos Cursos Técnicos
PROEN

IFRN debate Avaliação Global dos Cursos Técnicos

23/11/2018 - O seminário reuniu, no auditório da Reitoria, servidores da Instituição envolvidos no processo de revisão dos cursos

IFRN debate Avaliação Global dos Cursos Técnicos

Servidores se reuniram no auditório da Reitoria do IFRN

A Pró-Reitoria de Ensino (Proen) do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) promoveu, nos dias 22 e 23 de novembro, o Seminário de Avaliação Global dos Cursos Técnicos do IFRN. O encontro reuniu diretores acadêmicos, as equipes técnico-pedagógicas, os Núcleos Centrais Estruturantes (NCE’s), professores e técnicos do Instituto envolvidos no processo de revisão dos cursos.

O Seminário teve como objetivo debater todo o processo de avaliação dos cursos vivenciado até o momento. Por meio de elementos avaliativos, são discutidas as novas Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN’s) do Ensino Médio, as diretrizes do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif), a nova matriz orçamentária, entre outros pontos que surgiram ao longo do processo avaliativo. Ticiana Patrícia, diretora pedagógica do Instituto, afirmou que a pretensão, após o seminário, é a reformulação dos Projetos Pedagógicos de Curso (PPC’s). “Com base nesta discussão, o intuito é que no ano de 2019 nos dediquemos a esta reformulação, já dentro das novas diretrizes que a gente deve aprovar”, disse.

De acordo com o pró-reitor de Ensino do IFRN, professor Agamenon Tavares, este debate é de extrema importância para a manutenção da qualidade dos cursos ofertados pela Instituição. “Nossos PPC’s, implementados há 6 anos, precisam ser revisitados pela comunidade que, identificando dificuldades, tem a oportunidade de discussão, de fazer a busca coletiva pelas melhores soluções para cada situação que estamos enfrentando no nosso trabalho pedagógico”, destacou. O professor ressaltou ainda a espera por uma melhor adequação aos anseios atuais da Educação Profissional. “A partir disso, buscamos fortalecer estratégias de combate à evasão dos cursos, estímulo à  permanência e melhoria dos índices de sucesso, além de reconstruir, em conjunto, documentos que valorizem a nossa identidade e que demonstram o zelo do IFRN com a qualidade das ofertas”, finalizou.

Programação

O encontro contou com a discussão sobre o processo histórico de avaliação global dos cursos técnicos e os novos elementos a serem considerados na revisão dos cursos técnicos integrados, além de uma mesa redonda que abordou os temas “Integração curricular: um desafio político e pedagógico no Instituto Federal da Paraíba (IFPB)” e “o processo de reestruturação curricular no IFPB: um relato de experiência”, mediado por Ana Lúcia Ferreira de Queiroga (IFPB) e Jocileide Bidô Carvalho (IFPB), respectivamente.

A avaliação

O processo avaliativo foi iniciado em 2017, a partir da aplicação de um questionário de revisão trabalhado com dados quantitativos e qualitativos, disponibilizado para todos os campi do IFRN através do Sistema Unificado de Administração Pública (Suap). O instrumento avaliativo foi respondido por gestores, técnicos-administrativo, alunos e professores. Em 2018, após a coleta de dados, é realizada a discussão destes elementos avaliativos no Seminário de Avaliação Global dos Cursos Técnicos.

Ações do documento

Página em carregamento