Você está aqui: Página Inicial / Campi / Reitoria / Notícias / Comitê discute a política de pesquisa e inovação no IFRN
Propi

Comitê discute a política de pesquisa e inovação no IFRN

27/09/2017 - Encontro aconteceu nesta segunda e terça-feira, 25 e 26, no Campus Caicó

Comitê discute a política de pesquisa e inovação no IFRN
Dando continuidade ao trabalho de discussão sobre as diretrizes do IFRN para a área em que atua, a Pró-Reitoria de Pesquisa e Inovação (Propi) do Instituto reuniu-se nesta segunda e terça-feira, 25 e 26, com o Comitê de Pesquisa e Inovação (Copi). O Comitê é formado pela equipe da Propi e os coordenadores de Pesquisa dos campi do IFRN, recebidos desta vez no Campus Caicó.
 
O objetivo principal do encontro foi discutir as diretrizes de atuação para editais, projetos e grupos de pesquisa. Uma nota foi analisada conjuntamente, contendo os direcionamentos institucionais para a definição, formação e desenvolvimento dessas atividades ligadas à pesquisa. "O debate foi bastante construtivo e sinto que estamos avançando na consolidação da pesquisa como eixo da formação integral à qual o IFRN se propõe", declarou Márcio Azevedo, pró-reitor de Pesquisa do IFRN.
 
A coordenadora de Pesquisa do Campus Pau dos Ferras, Ayla Bizerra, destacou a importância de se discutir as definições de pesquisa, pesquisa aplicada e temas principais sobre a nota. De acordo com Darlyne Fontes, essa discussão passa pelo viés da identidade institucional, tendo como base o fazer institucional e os documentos baselares para o IFRN, como o Projeto Político Pedagógico (PPP), como também para as agências de fomento e regulamentação da pesquisa no país, como Capes e CNPq. 
 
Nessa perspectiva, foi discutido ainda o Regulamento da Propi. Os documentos vão passar por outras instâncias de discussão, como os conselhos institucionais, até serem publicados. A Propi apresentou ainda uma proposta de calendário de editais para o Planejamento 2018.
 
SECITEX
 
O encontro foi promovido no Campus Caicó também com o objetivo de discutir assuntos importantes para a realização da III Semana de Ciência, Tecnologia e Extensão (Secitex) do IFRN. Neste ano, a Secitex acontece em Caicó, tendo à frente da organização o Campus situado na cidade. Pela primeira vez, as atividades saem dos muros do Instituto e vão ser realizadas na Ilha de Santana, maior espaço da cidade para a realização de eventos. "Estamos com uma expectativa muito positiva. Temos certeza que teremos uma grande presença da comunidade, que poderá conhecer melhor nossa produção científica e cultural", declarou Alez Diógenes, diretor-geral do Campus Caicó do IFRN. 

Ações do documento

Página em carregamento