Você está aqui: Página Inicial / Campi / Pau dos Ferros / Extensão

Extensão

Extensão









Os princípios que orientam a composição dos Institutos Federais enaltecem a relevância da pesquisa e da extensão, em consonância indissociável com o ensino, viabilizando a relação transformadora entre os Institutos Federais e a Sociedade. Trata-se, portanto, de uma forma de interação que deve ser vivenciada com a comunidade na qual o Instituto está inserido.

Os projetos de extensão têm, como eixo norteador de elaboração, os focos tecnológicos que foram definidos no Plano de Desenvolvimento Institucional-PDI do IFRN, sendo executados para atender aos objetivos dos Institutos Federais estabelecidos na Lei 11.892/2008.

Os projetos respeitam as metas do Plano Nacional de Extensão, sendo suas linhas temáticas: responsabilidade social; desenvolvimento da reforma agrária e de educação e trabalho no meio rural; desenvolvimento da cultura e dinamização de intercâmbios culturais; desenvolvimento do turismo regional; elaboração de produtos de difusão cultural, científica e tecnológica; ação social e gestão de políticas públicas; geração de emprego e renda; melhoria da qualidade do ensino básico; melhoria da saúde e qualidade de vida da população; preservação e sustentabilidade do meio ambiente; transferência de tecnologias.

Conheça os projetos de extensão vigentes no Campus Pau dos Ferros do IFRN:

1. PRODUÇÃO DE MATERIAL DIDÁTICO DE QUÍMICA PARA A EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA)

Coordenador: Professor Caio Patrício de Souza Sena (caio.sena@ifrn.edu.br)
O Projeto tem como objetivo a produção e distribuição de materiais didáticos de química voltados para o público da Educação de Jovens e Adultos (EJA), fundamentados em metodologias diferenciadas que envolvem a dialética, a pesquisa e a experimentação. O público-alvo é composto de alunos e professores da rede pública de ensino que atuam nas disciplinas de ciências e química na EJA. Trata-se de uma proposta produção, aplicação na escola e publicação de um material didático que possa suprir às necessidades educacionais dos público-alvo, como medida de tentar minimizar a evasão escolar e fomentar uma educação mais cidadã. Oportunizaremos a formação básica a dois alunos da Licenciatura Plena em Química que atuarão como bolsistas do projeto, com o objetivo de trabalharem na confecção dos materiais além da participação na ministração de oficinas de capacitação de professores. A execução do projeto se dará através da produção do material didático, oficinas com professores e acompanhamento da aplicação nas escolas.

 

2. VIDA ATIVA

Coordenadora: Professora Rosalva Alves Nunes (rosalva.nunes@ifrn.edu.br)
O Projeto propõe a prestação de serviços em saúde, tendo como principal ação, a promoção de aulas de hidroginástica, visando à melhoria da qualidade de vida dos idosos da cidade de Pau dos Ferros. O projeto tem como objetivo geral, oportunizar aos idosos da cidade de Pau dos Ferros, o acesso a pratica da atividade física aquática, com intuito de minimizar os efeitos do envelhecimento, bem como, promover momentos de reflexão acerca da importância da prática contínua da atividade física e seus benefícios para a promoção da saúde. A turma será constituída no período da manhã e as aulas ocorrerão numa periodicidade de três dias na semana, com duração de 50 minutos.  A avaliação e o acompanhamento acontecerá de forma diagnóstica e continua, com a utilização dos seguintes instrumento: Folha de frequência, avaliação física/funcional e história de vida.  Pretendemos despertar nos participantes o hábito da pratica continua da atividade física, tornando-os mais ativos e conscientes da importância da atividade física na melhoria de sua qualidade de vida.

 

3. CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DE MODELISTA E COSTUREIRA EM GERAL: AMPLIANDO HORIZONTES E TECENDO NOVOS DESAFIOS

Coordenadora: Professora Natieli Piovesan (natieli.piovesan@ifrn.edu.br)
 A oferta Curso FIC de Modelista e Costureira em Geral, na modalidade presencial, oportuniza a qualificação profissional das mulheres em condição de vulnerabilidade social e econômica da região na qual se encontram, com vistas à sua inserção ou reinserção no mercado de trabalho, além de estimular a elevação do nível de escolaridade e contribuir para o resgate da autoestima e a sua valorização enquanto cidadãs, melhorando suas relações familiares e participando das ações de interesse das comunidades nas quais estão inseridas. Em consonância com o Programa Mulheres Mil, nossa proposta se apresenta como espaço de compromisso social, político e educacional com o público feminino da região, a qual apresenta como uma das principais atividades econômicas a área de serviços. Assim, acreditamos, por via da formação do curso FIC Modelista e Costureira- Mulheres Mil, no período de cinco meses, efetivar um plano composto por movimentos sistemáticos de formação profissional, de acesso e permanência no processo de escolaridade que transpassarão todo o processo de empoderamento social, econômico, cultural e político no intuito de contribuir para o protagonismo das cursistas nos diversos espaços e trajetórias.

 

4. CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA EM COSTUREIRO: TRILHANDO PONTOS E ARREMATANDO PERSPECTIVAS

Coordenadora: Professora Natieli Piovesan (natieli.piovesan@ifrn.edu.br)
O curso de Costureiro, no âmbito do IFRN, Campus Pau dos Ferros, custeado pela Pró-Reitoria de Extensão e Diretoria de Gestão de Atividades Estudantis, tem como público alvo trinta mulheres assistidas por três Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) sob administração da Secretaria de Desenvolvimento Social da cidade supracitada. Em consonância com o Programa Mulheres Mil, nossa proposta se apresenta como lugar de compromisso social, político e educacional com o público feminino da região, a qual apresenta como uma das principais atividades econômicas a área de serviços. Assim, acreditamos que, por via da formação do curso FIC Costureiro Mulheres Mil, no período de cinco meses, efetivar um plano composto por movimentos sistemáticos de formação profissional, de acesso e permanência no processo de escolaridade pautado no empoderamento social, econômico, cultural e político no intuito de contribuir para a representatividade das cursistas nos diversos espaços e trajetórias.

 

5. MAXIMIZANDO OPORTUNIDADES DE APRENDIZAGEM E QUALIDADE DE VIDA POR MEIO DE TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO

Coordenador: Professor Aluísio Igor Rêgo  Fontes (aluisio.rego@ifrn.edu.br)
O processo de de ensino-aprendizagem tem sofrido muitas modificações nas últimas décadas, várias ferramentas facilitadoras têm sido disponibilizadas. A utilização de tecnologias em ambientes escolares torna possível novos horizontes nas relações professor-aluno, o que é algo importante para melhoria do processo educacional. O presente projeto tem o objetivo de atualizar os professores da Escola Municipal Jose Neri de Oliveira, localizada na Cidade de Doutor Severiano no Estado do Rio Grande do Norte em relação a aplicação da informática na educação, apresentando novas ferramentas tecnológicas disponíveis para o ensino. Além disso, será colocado em operação uma tecnologia desenvolvida no IFRN-Pau dos Ferros capaz de fornecer, em tempo real, informações da disponibilidade de água nas residências.

 

6. NUARTE EM AÇÃO: PROPONDO EXPERIÊNCIAS

Coordenador: Professor José de Oliveira Miranda Junnior (nuarte.pf@ifrn.edu.br e jose.junnior@ifrn.edu.br)
O projeto Nuarte em ação: propondo experiências visa fomentar vivências e práticas artísticas e possibilitar a formação estético-artística dos alunos e servidores do IFRN ? Campus Pau dos Ferros, bem como dos cidadãos do Alto Oeste Potiguar, por meio da promoção de atividades artísticas diversificadas. Assim sendo, o projeto em foco aborda as diversas atividades que serão desenvolvidas pelo Núcleo de Arte do referido Campus, as quais envolve oficinas e minicursos, cinemas educativos, apresentações musicais didáticas, organização de eventos comemorativos, dentre outras. Com vistas à promoção e a difusão da cultura e da Arte junto aos cidadãos pauferrenses e comunidades vizinhas, a presente proposta visa ainda ampliar as experiências e vivências artísticas dessas pessoas e, consequentemente, a elevação cultural das referidas cidades. A realização do referido projeto envolve a divulgação do mesmo, o planejamento das atividades, a capacitação dos alunos bolsistas e voluntários, a elaboração de relatórios parciais e final, dentre outras atividades. Envolve ainda a realização de um evento de encerramento, no qual serão apresentados os resultados das atividades desenvolvidas.



OUTROS PROJETOS DE EXTENSÃO JÁ EXECUTADOS

COLETA SELETIVA DE RESÍDUOS SÓLIDOS - "COLETARES"
Coordenador: Bruno Martins Vale de Lucena Amarant.
O IFRN como promotor do saber, precisa extrapolar os muros das instituições e chegar à sociedade de maneira geral; é preciso a integração e interação da escola com a comunidade. Essa parceria é imprescindível para promovermos a relação escola x sociedade despertando para o controle de resíduos sólidos e a redução da poluição ambiental a partir da implantação da coleta seletiva. A Lei 12.305/2010 institui a Politica Nacional de Resíduos Sólidos e delega à gestão municipal como responsável pelo gerenciamento do Resíduos Sólidos Urbanos (RSU). Sabe-se que programas de coleta seletiva só têm êxito quando atrelados a programas de educação ambiental. Dessa forma o IFRN - Campus Pau dos Ferros em parceria com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Pau dos Ferros vem realizando a implantação dessa política através desse Projeto de Extensão, com ações de educação ambiental, disseminando a cultura da coleta seletiva, reuso, reciclagem e compostagem, além de inserir pontos de coletas e um cronograma de transporte dos resíduos até a associação de catadores do município. Esse projeto será desenvolvido por meio das seguintes ações: 1ª Sensibilização para a comunidade acadêmica das escolas envolvidas (docentes, discentes dos cursos integrados, deste campus, e da Escola Municipal Severino Bezerra) para que se tornem multiplicadores da coleta seletiva na cidade de Pau dos Ferros; 2ª Palestras, oficinas e campanhas educativas no IFRN - Campus Pau dos Ferros e de escolas municipais, sobre coleta seletiva, reuso, reciclagem e compostagem dos resíduos sólidos para a implementação e fortalecimento da coleta de resíduos sólidos nas escolas municipais e no próprio IFRN; 3ª Realização de seminários, oficinas educativas, mutirões de limpeza e campanhas de sensibilização com grupos sociais específicos estimulando os atores sociais envolvidos para contribuírem ativamente no processo.


2. APLICAÇÃO DE BPF: PRESERVANDO A QUALIDADE E TRADIÇÃO DOS QUEIJOS COALHO NO MUNICÍPIO DE ALEXANDRIA/RN
Coordenadora: Joyce Kelly da Silva Matias.
O queijo artesanal de coalho é um alimento de grande importância cultural e socioeconômica para o Sertão nordestino. A elaboração desse produto está atrelada às raízes históricas dos pecuaristas da região e representa uma expressiva fonte de renda para milhares de agricultores familiares. Por outro lado, devido à falta de procedimentos de higiene, os pequenos produtores de queijo coalho artesanal têm enfrentado entraves para se manter no mercado. Ações de capacitação quanto às Boas Práticas de Fabricação (BPF) são necessárias. Entretanto, o município de Alexandria - RN carece de trabalhos desse cunho, e queijos de coalho com baixa qualidade microbiológica continuam a ser rotineiramente comercializados em feiras e mercados locais, trazendo riscos à saúde da população. Por meio do presente projeto de extensão, o IFRN -Campus Pau dos Ferros, em parceria com a EMATER/RN, pretende mudar essa realidade, contribuindo para a orientação de todos os envolvidos na produção de cinco unidades de processamento artesanal de queijo coalho, situadas no município de Alexandria. Ao aplicar check-lists e realizar análises microbiológicas, o projeto conta também com atividades úteis para a compreensão da realidade dos produtores e dos efeitos da implantação das BPF.


3. SISTEMA INTELIGENTE PARA MONITORAMENTO E ANÁLISE DO ABASTECIMENTO DE ÁGUA EM PAU DOS FERROS/RN
Coordenador: Aluísio Igor Rêgo Fontes.
A situação do abastecimento de água na cidade de Pau dos Ferros continua se agravando. Para complicar ainda mais a situação, as previsões de chuva para 2017 são desanimadoras. Como medida para economizar a água nos mananciais e para prolongar o tempo de distribuição do produto, a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (CAERN) pratica o rodízio do abastecimento de água entre setores dos municípios. Desta forma, o fornecimento de água é intercalado entre os setores e limitado a alguns dias da semana. Entretanto, a CAERN não cumpre o calendário de rodízio divulgado, prejudicando ainda mais a população. Este trabalho tem como objetivo desenvolver uma tecnologia capaz de fornecer, em tempo real, informações acerca da qualidade e da disponibilidade de água nas residências. A tecnologia desenvolvida terá um aplicativo para dispositivos móveis e um hardware para realizar o monitoramento da água. Com o auxílio do aplicativo, os usuários poderão fiscalizar o cumprimento do calendário de rodízio divulgado pela CAERN e otimizar o acesso a água, recurso natural de grande valor econômico, ambiental, social e fundamental para a sobrevivência humana.


4. CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA EM COSTUREIRA: TECENDO IDENTIDADES, BORDANDO TRAJETOS E ALINHAVANDO EMPODERAMENTO
Coordenadora: Aline Santos Oliveira.
Como um instrumento que atua na redução das desigualdades sociais, culturais, econômicas e de gênero que, ainda, permeiam em contextos das mulheres brasileiras, o Programa Nacional Mulheres Mil proposto pela Portaria MEC nº 1.015, de 21 de julho de 2011, publicada no Diário Oficial da União, em 26 de julho de 2011, vinculado às ações do Plano Brasil sem Miséria, apresenta como base os eixos educação, cidadania e desenvolvimento sustentável com o objetivo de promover a inclusão social e econômica de mulheres, permitindo-lhes melhorar o seu potencial de mão de obra, suas vidas e as das suas famílias e comunidades. Nesse contexto, o curso de Costureiro, no âmbito do IFRN, Campus Pau dos Ferros, custeado pela Pró-Reitoria de Extensão e Diretoria de Gestão de Atividades Estudantis, tem como público alvo trinta mulheres assistidas por três Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) sob administração da Secretaria de Desenvolvimento Social da cidade supracitada. Em consonância com o Programa Mulheres Mil, nossa proposta se apresenta como lugar de compromisso social, político e educacional com o público feminino da região, a qual apresenta como uma das principais atividades econômicas a área de serviços. Assim, acreditamos que, por via da formação do curso FIC Costureiro Mulheres Mil, no período de cinco meses, efetivar um plano composto por movimentos sistemáticos de formação profissional, de acesso e permanência no processo de escolaridade pautado no empoderamento social, econômico, cultural e político no intuito de contribuir para a representatividade das cursistas nos diversos espaços e trajetórias.


5. ABELHA OPERÁRIA EMPODERADA: GERAÇÃO DE RENDA UTILIZANDO OS PRODUTOS APÍCOLAS
Coordenadora: Luciene Xavier de Mesquita.
O Projeto objetiva qualificar mulheres a partir de 18 anos de idade em situação de vulnerabilidade social na área de fabricação de licores (de fruta e a base de mel), de sabonetes (própolis, pólen, ervas medicinais, sabonetes temáticos de acordo com período do ano, em barra e liquido), no reaproveitamento de Alimentos, na promoção do emponderamento feminino na inserção do mercado de trabalho por meio do empreendedorismo. Promover o envolvimento dos alunos e alunas de apicultura do segundo ano do técnico integrado a fim de fortalecer a identidade do púbico alvo e a responsabilidade social e o desenvolvimento regional local, documentando a memória local a arte de fazer e as questões de gênero na região.

6. ART'MANHA: CORPO, SOM E MOVIMENTO
Coordenador: José de Oliveira Miranda Junnior.
Este curso consiste em um conjunto de oficinas de percussão corporal, onde o aluno vai vivenciar a prática musical utilizando o próprio corpo como instrumento. Para este curso, não há idade mínima para participação.


7. DEDILHANDO AS CORDAS
Coordenador: José de Oliveira Miranda Junnior.
Trata-se de um curso de violão, envolvendo a leitura de partituras e cifras, contemplando diferentes obras do repertório erudito e popular, onde o aluno será levado a executar diversas peças musicais no instrumento. Para participar deste curso, é necessário que o interessado possua idade mínima de 10 anos, além de que traga o seu violão.


8. FAZENDO ARTE EM UM CLIQUE
Coordenadora: Fátima Maria de Oliveira.
O projeto tem como objetivo utilizar a arte como expressão e resgate da memória local e as novas manifestações advindas da implantação de instituições de educação, que instituídas na última década, mudou o cenário local. Como forma de expressão o projeto prevê a formação de dois grupos, um de práticas teatrais e outro de produção audiovisual. Para tanto, cria um enlace com a comunidade a partir de diálogos construídos com as produções, troca de experiências e reflexão sobre a realidade que faz da cidade e de sua população fixa e flutuante, sujeitos que leem o mundo e agem sobre ele. Às práticas grupais juntam-se exibições de cinema nas escolas que nos permite a visualização da produção cinematográfica universal e a percepção do mundo local e seus diálogos com os temas globais, como também possibilita o contato, a articulação e a divulgação para as realizações propostas. O projeto é voltado para todas as idades e aberto à comunidade local.


9. HIDROGINÁSTICA PARA A TERCEIRA IDADE
Coordenadora: Rosalva Alves Nunes.
o Projeto propõe a prestação de serviços em saúde, tendo como principal ação, a promoção de aulas de hidroginástica, visando a melhoria da qualidade de vida dos idosos da cidade de Pau dos Ferros. O objetivo deste projeto é oportunizar aos idosos da cidade de Pau dos Ferros o acesso à pratica da atividade física aquática, com intuito de minimizar os efeitos do envelhecimento, bem como, promover momentos de reflexão acerca da importância da prática contínua da atividade física e seus benefícios para a promoção da saúde.



__________________________________________________________________________
FONTE:
Coordenadoria de Extenão (COEX) do Campus Pau dos Ferros do IFRN.
Coordenador: Ms. Francisco Vieira Sales Júnior (Técnico em Agropecuária).

Telefone (84) 4005 4109 (ramal 6603)     |     E-mail: coex.pf@ifrn.edu.br  

Ações do documento

Página em carregamento